América Andina

Países da América do Sul atravessados pela Cordilheira dos Andes

Denomina-se de América Andina a região da América do Sul, formada por cadeias de montanhas e planaltos de altitudes elevadas, no qual seus territórios são cortados pela Cordilheira do Andes no oeste do continente.

Deste modo, são países da América Andina: Venezuela; Colômbia; Equador; Peru; Bolívia e Chile. Juntos, esses territórios ocupam uma área de aproximadamente 7.500 quilômetros, com 300 quilômetros de largura e altitudes que ultrapassam os 7.000 metros.

Cordilheira dos Andes

A Cordilheira dos Andes consiste em uma grande cadeia montanhosa, localizada na América do Sul. A região compreende uma altitude média equivalente a 4.000 metros, cujo ponto mais alto é o Monte Aconcágua, com cerca de 7 mil metros.

A região, que se formou através do contato das placas tectônicas sul-americana e do Pacífico, é atravessada pelos seguintes países: Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador e Peru.

O nome “Cordilheira” corresponde ao conjunto de montanhas, considerado o maior do mundo, com comprimento de aproximadamente 8 mil quilômetros de extensão e largura que varia entre 200 e 700 quilômetros.

Montanhas dos Andes é uma das paisagens da América Andina.
Cordilheira do Andes. (Foto:Flickr)

América Andina: características geográficas

A América Andina concentra três paisagens, com clima e vegetação diferentes. São elas: Cordilheira dos Andes; as planícies litorâneas (às margens do oceano Pacífico) e as planícies orientais (terras baixas amazônicas).

Deste modo, o clima na região varia conforme a distância entre os países e a Cordilheira. Assim, o clima pode ser tropical, desértico, equatorial, mediterrâneo ou temperado. A formação geológica da Cordilheira dos Andes é recente e apresenta diversos vulcões com a presença de terremotos.

Por outro lado, em alguns trechos a formação se ramifica, deixado de formar uma cadeia montanhosa. Entre essas ramificações estão concentrados os planaltos elevados de altitude, chamados de antiplanos e vales.

Tantos os antiplanos do Peru quanto da Bolívia representam, para a região, uma importante fixação dos homens, a exemplo dos povos Incas que desenvolveram um império no local.

O antiplano boliviano apresenta altitudes que variam entre 3.700 a 4.000 metros, com temperaturas de -10°C no inverno, apesar de estar localizado em uma área tropical da Terra.

Da região norte do Chile até a fronteira com o Peru está o Deserto do Atacama, com uma área de aproximadamente 1.000 km de extensão e temperaturas que variam de 0°C a 40°C, configurando-o como o deserto mais alto e árido do mundo.

População

São quase 144 milhões de habitantes ocupando a América Andina, sendo que a maior parte da população vive em situação de extrema pobreza. Entre eles, índios, ocupando a maior parte do Equador e Peru, e mestiços e brancos de origem espanhola.

Grande parte da população está concentrada entre os planaltos, em torno da Cordilheira dos Andes, e nas planícies litorâneas, isto é, majoritariamente em zona urbana. O Equador é um exemplo disso porque 80% da população vive em área urbana, enquanto que no Chile apenas 33%  mora na capital.

Além disso, na América Andina a língua oficial é o espanhol e a religião predominante é o Catolicismo.

Economia

A economia na América Andina é bastante diversificada, tendo como atividades primárias, a pesca, a agricultura, a pecuária e, principalmente, a mineração.

Entre os minerais mais explorados destacam-se: estanho, ferro, manganês, zinco, tungstênio, mercúrio, molibdênio, prata, carvão, alumínio, ouro e petróleo, sendo o último o mais explorado.

No Equador, Colômbia e Peru destacam-se a pesca. A agricultura familiar, por exemplo, é uma prática comum entre os camponeses mais pobres, que plantam com poucos recursos.

Isso porque o litoral da América Andina é favorecido pela corrente marítima fria de Humboldt, enriquecida por plâncton (conjunto de organismos dispersos na água doce), o que favorece a concentração de grandes cardumes  em suas águas.

Além da pesca, o Peru se destaca como o segundo maior produtor de prata do mundo, o terceiro maior na produção de estanho e o quarto maior na produção de chumbo e zinco.

Por outro lado, a pecuária, tanto de bovinos quanto de ovinos, é de baixa produtividade e não chega a atender nem mesmo o mercado interno.

A Venezuela destaca-se como grande produtor e exportador de petróleo. Isso porque o país é o sexto maior produtor mundial, equivalente a 4,7%. No Equador, o petróleo é o principal produto de exportação. Já no Peru, o petróleo é explorado na Amazônia peruana e transportado até o litoral por oleodutos.

 O mineral na Colômbia é explorado por várias empresas estrangeiras. Além disso, o país abriga as maiores reservas de carvão da América Latina e ainda é o primeiro produtor mundial de esmeraldas.

Narcotráfico nos Andes

Em países como Bolívia, Colômbia e Peru, a cultura do uso da coca é um costume muito antigo, por isso, eles se destacam como grandes produtores da substância no mundo. O consumo das folhas da coca é liberado e amplamente difundido entre os povos da região.

No entanto, essa produção tem sido cada vez mais voltada para a obtenção da pasta de coca que, após refinada, transforma-se em cocaína. Presume-se que mais da metade dessa produção seja contrabandeada para os Estados Unidos.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

MENDONÇA, Camila. América Andina; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/america-andina >. Acesso em 28 de outubro de 2019 às 20:03.

Copiar referência

Outros Artigos de Geografia

As Cataratas do Iguaçu é uma das mais exuberantes belezas naturais da bacia Platina.

Bacia Platina

A Bacia Platina, também chamada de bacia do rio da […]

A bandeira do Chile representa o país internacionalmente.

Bandeira do Chile

A Bandeira do Chile possui duas listras de igual tamanho, […]

Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste

A Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste está entre as doze […]

A folha de bordo compõe a bandeira do Canadá.

Bandeira do Canadá

A Bandeira do Canadá é formada por uma tribanda de […]