APEC

A Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico

A APEC (Ásia-Pacific Economic Cooperation) é uma aliança que reúne as economias da Ásia, América e Oceania. Ela funciona como um organismo intergovernamental para consulta e cooperação econômica entre as economias, sendo criada em 1989 inicialmente apenas como um fórum de discussão entre países da ASEAN (Associação de Nações do Sudeste Asiático).

Somente se tornou um bloco econômico em 1993, com o comprometimento do Pacífico de se tornar uma área de livre comércio. Atualmente, a APEC conta com 21 membros.

Entre os principais objetivos da APEC estão:

  • Redução das tarifas alfandegárias e taxas de importação e exportação nas relações comerciais entre os países membros.
  • Estimular o comércio de produtos e serviços entre os pertencentes ao grupo.
  • Estabelecer projetos contra AIDS, terrorismo, corrupção, doenças e outros relacionados ao petróleo e à energia.
  • Buscar estratégias para o crescimento econômico, a geração de novos postos de trabalho e a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos da região.

Divisão da APEC

A APEC é dividida em quatro grupos ou comitês:

  • BMC é responsável pelos orçamentos e administrações;
  • CTI comanda a facilitação e liberação dos investimentos e do comércio;
  • EC condiz pesquisas e discussões que dizem respeito à economia;
  • ESC auxilia os líderes dos países membros na administração e coordenação das agendas.

Anualmente são realizados quatro tipos de reuniões:

  • Reunião dos líderes da APEC: decidem a agenda política da APEC;
  • Reunião dos ministros da APEC: quando os ministros da economia dos países decidem as atividades econômicas que serão tomadas pelos países;  
  • Reunião dos ministros setoriais: especialistas em vários setores se reúnem para aconselhar as medidas que cada país pode tomar em cada setor;
  • Reunião dos conselheiros econômicos: estes conselheiros providenciam relatórios sobre a sua perspectiva de negócios e fazem recomendações para aumentar os investimentos na região da APEC.

Membros da APEC

Austrália

A economia australiana é altamente desenvolvida, tendo o seu Produto Interno Bruto (PIB) em 2010 de US$1,2 trilhão, sendo o 13ª maior do mundo. O país é a maior exportadora de diamantes, alumínio e carvão, do mundo. Além desses, exporta os seguintes minérios: ouro, chumbo, minério de ferro, níquel, bauxita, cobre, zinco, gás natural, manganês, areias minerais e petróleo bruto.

Brunei

A principal atividade econômica desenvolvida em Brunei é a exploração dos recursos minerais, tendo o petróleo e o gás natural como os principais produtos de exportação. A exploração de grandes reservas de petróleo e gás natural garante ao país uma das maiores rendas per capita da Ásia.

Canadá

O Canadá é um país desenvolvido que possui um dos maiores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do mundo (0,961). O país é uma potência pesqueira, sendo possível destacar, além de outros, salmões, trutas, arenques e bacalhau.

Chile

Apesar de ter um pouco mais de 16 milhões de habitantes, em 2007 a economia do Chile foi a quinta maior da América Latina, seu PIB chegou aos 175 bilhões de dólares e sua renda per capita foi de 9.870 dólares (o maior da América Latina).

China

Segundo dados de 2007, o PIB da China ultrapassou os dez trilhões de dólares e o PIB per capita ficou em 5.300 dólares. No país chinês, os produtos do setor de mineração (petróleo, chumbo, fosforeto, tungstênio, antimônio, manganês, molibdênio, manganês, estanho, carvão, zinco, minério de ferro e bauxita), e pecuário (aves, ovinos, caprinos, suínos, bovinos, equinos, camelos e búfalos) se destacam.

Apec
A APEC é composta por apenas 21 países do mundo. (Imagem: Pxhere)

Cingapura

A economia de Cingapura é baseada na alta movimentação dos portos, que são especializados em contêineres, além da importante atuação na produção de altas tecnologias e do refino de petróleo. O modelo industrial do país é conhecido no IOE (Industrialização Orientada para a Exportação), que significa que a produção é feita principalmente para o comércio exterior.

Coreia do Sul

A economia coreana cresceu, em média, 9,1% por ano, entre os anos de 1980 e 1993. O país aderiu à Industrialização Orientada para a Exportação, com destaque para os produtos eletrônicos e automóveis.

Estados Unidos

Os Estados Unidos possuem a maior economia do mundo, se destacando em diversas áreas do setor econômico. Com um mercado consumidor interno forte, a produção dos Estados Unidos também visa as exportações. O país produz grande quantidade de gêneros agropecuários, porém se destaca na produção de produtos industrializados e tecnológicos.

Filipinas

A agricultura representa uma parte fundamental da economia filipina, com destaque para os cultivos de cana-de-açúcar, coco, arroz, banana, milho e abacaxi. O país conta com rebanhos suínos, caprinos e de búfalos, além de um setor avícola em expansão. A pesca é importante para o consumo interno.

Além desses, a APEC conta com os seguintes países:

  • Hong Kong
  • Indonésia
  • Japão
  • Malásia
  • México
  • Nova Zelândia
  • Papua-Nova Guiné
  • Peru
  • Rússia
  • Tailândia
  • Taiwan
  • Vietnã

Dados Econômicos

Confira alguns dados econômicos unificado de todos os países pertencentes a APEC:

População 2.559,3 milhões de habitantes
PIB US$ 18.589,2 trilhões
Exportação US$ 2.891,4 trilhões
Importação US$ 3,094,5 trilhões

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

BARBOSA, Elson. APEC; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/apec >. Acesso em 28 de outubro de 2019 às 14:42.

Copiar referência

Outros Artigos de Geografia

As Cataratas do Iguaçu é uma das mais exuberantes belezas naturais da bacia Platina.

Bacia Platina

A Bacia Platina, também chamada de bacia do rio da […]

A bandeira do Chile representa o país internacionalmente.

Bandeira do Chile

A Bandeira do Chile possui duas listras de igual tamanho, […]

Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste

A Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste está entre as doze […]

A folha de bordo compõe a bandeira do Canadá.

Bandeira do Canadá

A Bandeira do Canadá é formada por uma tribanda de […]