Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste

Abrange estados do Nordeste e do Sudeste brasileiro

A Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste está entre as doze bacias hidrográficas que existem no território brasileiro. A sua vazão média conjunta fica em torno de 1.400,43 m³/s ou 1% da vazão de escoamento superficial que é observada no Brasil. Ela compreende bacias hidrográficas de vários rios importantes da região, sendo 100% brasileira.

Ela tem uma área de cerca de 374.677 km², sendo aproximadamente 4% do território nacional. Atinge uma média de 468 cidades da região Nordeste e região Sudeste e pertencentes aos seguintes estados: Sergipe, Bahia, Minas Gerais e Espírito Santo.

Os biomas que fazem parte dessa bacia hidrográfica são a Mata Atlântica, a Caatinga, algumas porções de Cerrado, Manguezais e vegetação costeira e insular.

Localização da bacia hidrográfica do Atlântico Leste no mapa do Brasil.
Mapa que representa a localização das 12 bacias hidrográficas brasileiras. (Foto: Wikipédia)

A Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste

A bacia hidrográfica do Atlântico Leste e os seus limites estão presentes em todo estado de Sergipe (4%) e a sua capital Aracaju, na região leste do estado da Bahia (69%) e a região metropolitana da capital Salvador, na região nordeste do estado de Minas Gerais (26%) e na região norte do estado do Espírito Santo (1%), além de outros grandes centros regionais.

Sua vegetação é heterogênea e por causa da histórica pressão antrópica que a região sofre, a Mata Atlântica está passando atualmente por uma fase de grande ameaça, pela expansão urbana e também pela cultura da cana-de-açúcar, já a Caatinga sofre com o crescimento das atividades de pecuária.

A maior parte da área que envolve a bacia hidrográfica do Atlântico Leste, está localizada em uma região semiárida, que passam por alguns períodos prolongados de estiagens. Essa bacia tem a segunda menor disponibilidade hídrica, entre as doze bacias hidrográficas nacionais.

Os rios Jequitinhonha, Salinas e Pardo que abastecem a bacia, manifestam concentrações de metais pesados, consequências relacionadas com o garimpo e a drenagem para a mineração. A precipitação da região tem variação entre 2.400 mm no extremo sul e no litoral baiano e 400 mm anuais, na região do alto curso do rio Vaza Barris.

A bacia hidrográfica do Atlântico Leste possui o clima tropical, quente e úmido, a depender do local, o clima pode ser semiúmido, super-úmido e semiárido. A temperatura média anual gira em torno de 27 °C, com variações que alternam entre 22 °C e 32 °C e a amplitude térmica anual é baixa, características específicas das regiões intertropicais.

Nas regiões cujo bioma é o Cerrado, é bastante favorável ao desenvolvimento da agricultura, por causa de características como: ausência de geadas, chuvas abundantes e regularmente distribuídas, além da temperatura constante.

A bacia hidrográfica do Atlântico Leste tem muita relevância socioeconômica para a região que incorpora, tanto porque abastece muitos municípios, quanto porque é responsável pela irrigação da agricultura.

Ela é responsável por abastecer aproximadamente 13.641.045 habitantes, que representa uma média de 8% da população brasileira. A Sua densidade demográfica fica em torno de 36 habitantes por quilômetros quadrados.

O crescimento desordenado de atividades como: da agricultura, da pecuária, de mineradores, assim como a exploração de madeira e o aumento da urbanização, têm provocado vários desastres ambientais naquela região, a exemplo de poluição, contaminação e assoreamento dos rios.

As Subdivisões da Bacia

  • Contas
  • Itapicuru
  • Litorânea BA
  • Litorânea BA SE
  • Litorânea ES BA
  • Paraguaçu
  • Pardo Jequitinhonha
  • Vaza Barris
O rio Jequitinhonha é um dos principais afluentes da bacia hidrográfica do Atlântico Leste.
O Vale do Jequitinhonha fica no nordeste de Minas Gerais, é conhecido por causa dos baixos indicadores sociais e pelas características do sertão nordestino. (Foto: Pixabay)

Os Rios Afluentes

  • Rio Araçaí
  • Rio Barba do Tubarão
  • Rio Capivari
  • Rio Cibrão
  • Rio Conguji
  • Rio de Contas
  • Rio Gavião
  • Rio Inhambuque
  • Rio Itacambiruçu
  • Rio Itanhém ou Alcobaça
  • Rio Itapicuru
  • Rio Itapucuru-açu
  • Rio Itaúnas
  • Rio Jacuípe
  • Rio Jequitinhonha
  • Rio Mucuri
  • Rio Paraguaçu
  • Rio Pardo
  • Rio Pojuca
  • Rio Prado ou Jucurucu
  • Rio Preto
  • Rio Real
  • Rio Salgado
  • Rio Salinas
  • Rio Salto
  • Rio São Francisco
  • Rio São João
  • Rio São Mateus
  • Rio São Miguel
  • Rio São Pedro
  • Rio Vaza Barris

Hidrografia da Região Nordeste

A região nordestina brasileira manifesta uma determinada carência de recursos hídricos. As bacias hidrográficas da região Nordeste representam somente, cerca de 18% do total de todas as bacias brasileiras. Esse dado posiciona o nordeste brasileiro na terceira posição de maior hidrografia do país.

A hidrografia da região Nordeste é classificada como intermitente e irregular, isso porque a maioria dos rios existentes, estão sujeitos a sofrer certas alterações, por causa do clima semiárido. Cerca de 72% do território nordestino está localizado no polígono das secas. As principais bacias da região Nordeste são:

Hidrografia da Região Sudeste

Por causa das características do relevo da região Sudeste, os rios que predominam naquela região, são os rios de planalto, naturalmente encachoeirados. Sua hidrografia é caracterizada pelo fato de ser um grande centro dispersor de águas, que são direcionadas para outras regiões e abastecem diversas bacias hidrográficas.

O sudeste brasileiro possui grande potencial hidrelétrico e por consequência, grande potencial em geração de energia. A região Sudeste produz mais da metade da energia elétrica que é consumida no Brasil. As principais bacias da região Sudeste são:

  • Bacia do Paraná
  • Bacia do Rio São Francisco
  • Bacias do Leste
  • Bacias do Sudeste-Sul

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Macedo, Márcia. Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/bacia-hidrografica-do-atlantico-leste >. Acesso em 18 de novembro de 2019 às 20:32.

Copiar referência

Outros Artigos de Geografia

As Cataratas do Iguaçu é uma das mais exuberantes belezas naturais da bacia Platina.

Bacia Platina

A Bacia Platina, também chamada de bacia do rio da […]

A bandeira do Chile representa o país internacionalmente.

Bandeira do Chile

A Bandeira do Chile possui duas listras de igual tamanho, […]

A folha de bordo compõe a bandeira do Canadá.

Bandeira do Canadá

A Bandeira do Canadá é formada por uma tribanda de […]

Bacia sedimentar possui vários tipos.

Bacia Sedimentar

Bacia Sedimentar é uma depressão existente na superfície do planeta […]