Biotecnologia

Modificação molecular e celular de seres vivos através de ferramentas tecnológicas

Biotecnologia, como o próprio nome já sugere, é o conjunto de sistemas tecnológicos que utiliza organismos geneticamente modificados em variados setores (saúde, agricultura, energia, etc).

Os povos da Babilônia, há 4000 anos, já faziam uso de microrganismos no processo de fermentação dos pães, mesmo sem nenhum conhecimento técnico. Com os avanços da biologia, bioquímica e da genética, a configuração do DNA dos seres vivos passou a ser controlada de acordo com vários propósitos, inclusive para suprir a intensa demanda de alimentos no mundo.

Biotecnologia Clássica X Biotecnologia Moderna

A biotecnologia clássica manipula os organismos vivos com o objetivo de elaborar novos produtos ou ajustar os já existentes. Geralmente é feita pelo cruzamento de espécies e pela fermentação.

Já a biotecnologia moderna apoia-se nas ferramentas da engenharia genética ou tecnologia do DNA recombinante (alteração dos genomas) para promover o desenvolvimento de plantas (grãos transgênicos de soja,  milho, entre outros) e das práticas agrícolas.

biotecnologia
A biotecnologia moderna apoia-se nas ferramentas da engenharia genética. (Foto: Pixabay)

Os microrganismos modificados pela genética são intensamente utilizados pela indústria de alimentos. O sabor, textura, cor e até a quantidade de vitaminas podem ser definidas em laboratório.

Tipos de Biotecnologia

Como a biotecnologia pode ser aplicada em diferentes campos, ela passou a ser separada de acordo com a funcionalidade em cada setor.

Biotecnologia verde: aplicada na agricultura com o intuito de produzir plantas mais resistentes a fungos e insetos de maneira sustentável. 

Biotecnologia vermelha: utilizada pela medicina no desenvolvimento de medicamentos e novos tratamentos. As modificações genéticas auxiliam no diagnóstico precoce de doenças e até mesmo na cura.

Biotecnologia branca: também conhecida como biotecnologia industrial, serve para a produção de substâncias menos nocivas ao meio ambiente, como o álcool combustível – que é feito da cana-de-açúcar.

Biotecnologia preta: usada, exclusivamente, pela indústria militar na produção de armas biológicas (bombas atômicas, etc.).

Atuação da Biotecnologia

Como já sabemos, a biotecnologia auxilia nos avanços de diversos setores. As suas pesquisas e aplicações têm ajudado a humanidade em muitos desafios.

Agricultura

No setor da agricultura, a biotecnologia vem atuando na produção de plantas adaptadas às condições mais severas de clima e solo, além de mais resistentes em relação a pragas (insetos e fungos).

Os animais também são geneticamente modificados para servir de cobaias em testes de novos remédios ou na descoberta de doenças. Os ratos transgênicos e os peixes da espécie tilápia (crescem quatro vezes mais que os demais da mesma espécie) são exemplos desses seres alterados.

A soja, o milho e o trigo são os principais grãos modificados pela indústria alimentícia. Entretanto, já existem pesquisas com plantações de batata, cana-de-açúcar, laranja, beterraba, mandioca, entre outros. O Brasil ocupa o segundo lugar no ranking dos maiores países produtores de transgênicos.

Medicina

Bactérias modificadas estão sendo utilizadas na fabricação de insulina – hormônio responsável pelo metabolismo dos açúcares no sangue. A insulina, até os anos 1980, era retirada de bois e porcos, causando sérios efeitos colaterais nas pessoas diabéticas.

Outros avanços biotecnológicos na medicina foram:

  • Produção de medicamentos através de anticorpos monoclonais – proteínas direcionadas para o combate de determinadas células doentes, como a cancerígenas;
  • Transplante com órgãos de animais modificados;
  • Terapias gênicas – substituição ou controle dos genes com problemas;
  • Tratamento de doenças degenerativas com células-tronco;
  • Combate à dengue através do mosquito Aedes aegypti transgênico.

Meio Ambiente

Na área ambiental serve para reverter ou melhorar ecossistema em degradação. As plantas modificadas, por exemplo, são utilizadas para o controle da poluição do ar e da água.

Outra aplicação da biotecnologia é na prevenção do desaparecimento de espécies. Com o conhecimento da variação genética dos seres, pode-se monitorar o processo de extinção, evitar a perda de certas características em vegetais e animais ou até mesmo criar um nova espécies através do cruzamento de organismos existentes.

Indústria energética e química

Uso da biotecnologia na produção de energia e combustíveis renováveis, através da substituição das fontes derivadas do petróleo pelo reaproveitamento de sobras agrícolas (bagaço de cana, beterraba, sementes de milho e trigo, entre outros).

No Brasil, o etanol e o biodiesel são os principais biocombustíveis derivados de resíduos agrícolas. 

Já as tecnologias usadas na indústria química são voltadas para a fabricação de acetona, álcool butílico e glicerol. Na elaboração do sabão em pó, por exemplo, enzimas produzidas por bactérias geneticamente modificadas são usadas para quebrar as moléculas de carboidrato e proteína dos tecidos sujos.

Além disso, essas mesmas enzimas, podem ser utilizadas na produção de roupas jeans mais macias, pois agem diretamente nas fibras sintéticas sem a necessidade de ácidos.

Impactos do Uso Biotecnológico

Apesar dos progressos que a biotecnologia trouxe para a humanidade, os seus efeitos danosos sobre os organismos, natureza e a própria sociedade ainda são pouco esclarecidos.

Entre as principais práticas negativas estão:

  • Uso abusivo de substâncias químicas: agrotóxicos, fertilizantes e pesticidas;
  • Incidência de novas doenças provocadas por produtos transgênicos;
  • Desequilíbrio ambiental;
  • Dependência tecnológica dos países desenvolvidos;
  • Contaminações genéticas.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

SANTOS, Thamires. Biotecnologia; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/biotecnologia >. Acesso em 05 de novembro de 2019 às 16:35.

Copiar referência

Outros Artigos de Biologia

O corpo humano possui muitos pontos com cartilagem.

Cartilagem

A Cartilagem também chamada de tecido cartilaginoso, é um tecido […]

A carta da Terra tem o objetivo de socorrer e salvar o planeta Terra.

Carta da Terra

A Carta da Terra é um documento de declaração dos […]

Pseudoceros Dimidiatus é um dos platelmintos.

Platelmintos

Os Platelmintos são animais invertebrados, que possuem o corpo achatado […]

O canibalismo acontecia com mais frequência na antiguidade.

Canibalismo

O Canibalismo é um tipo de relação ecológica que são […]