Cleópatra

Rainha do Egito

Cleópatra é uma das figuras mais famosas da história da humanidade e uma das governantes mais conhecidas do Egito. Cleópatra VII Thea Philopator ficou conhecida somente como Cleópatra.

Ela sempre governou com um homem ao seu lado. Primeiro foi seu pai, em seguida seu irmão (com quem se casou) e, depois, com seu filho. Apesar disso, em todos esses casos, os seus companheiros eram apenas reis titularmente, a autoridade era exercida por ela.

figura cleópatra
Cleópatra. (Foto: Wikimedia Commons)

Quem era Cleópatra?

Cleópatra era rainha do Egito, a última soberana da família dos Ptolomeus, que reclamava descendência direta do macedônio Alexandre o Grande e levaram o Egito ao auge de sua prosperidade até decair sob a dominação romana.  

Gravada na história, a rainha do Egito teve grandes influência sobre o destino de Roma, devido ao seu envolvimento amoroso com Júlio César e Marco Antônio.

Nascida em Alexandria, Egito, em 69 a.C, Cleópatra era filha de Ptolomeu XII e foi formada no meio dos papiros da Biblioteca de Alexandria. Ela tinha conhecimento sobre poesia grega, matemática e filosofia.

Fluente em vários idiomas ela não precisava de intérpretes para conversar, discutir e negociar com representantes ou líderes de outros povos.

O Trono do Egito

Depois da morte do seu pai, em 51 a. C, Cleópatra chegou ao trono egípcio. Em testamento, Ptolomeu XII, deixou o reino para Ptolomeu XIII, então com 10 anos, e para Cleópatra, com quem ele deveria casar, segundo a tradição.

Três anos após assumir o poder, Cleópatra entrou em guerra civil contra o irmão e teve que enfrentar várias intrigas dentro do palácio, contrariando os planos dos conselheiros reais, que conseguiram afastá-la do trono.

Relação com Júlio César

O relacionamento de César e a rainha do Egito era conhecido. Júlio César andou de barco no rio Nilo por meses junto com sua amante. Entretanto, o principal motivo para que César permanecesse no Egito foi outro. No mês de abril é feita a colheita do trigo no Egito, então César teria aproveitado para encher seus navios com o cereal.

No ano de 47 a.C Cleópatra deu à luz a uma criança, que foi batizada como Ptolomeu 15, mais conhecido como Cesário. Além de se tornar herdeiro do Egito, Cleópatra tinha a esperança que seu filho herdasse também o reino de Cézar.

O nascimento dessa criança também trouxe benefícios para Júlio César. Por ser pai do herdeiro do trono egípcio, ele podia garantir o envio do trigo do Egito para Roma sem grandes despesas para a economia romana.

Júlio César só não se casou com Cleópatra porque já era casado com uma romana, Calpurnia, com quem nunca teve filhos.

Relação com Marco Antônio

Em Roma, o Segundo Triunvirato composto por Marco Antônio, Otávio e Lépido, organizava o crescimento dos domínios romanos para o Oriente. 

Marco Antônio chamou Cleópatra para uma reunião na cidade de Cilícia. Ela então foi em um barco todo enfeitado de outro e prata, para demostrar o poder e riqueza egípcia. Marco Antônio se apaixonou por ela, mas retornou a Roma para se casar com Otávia.

Mesmo tendo dado luz a gêmeos e com a volta de Marco Antônio, a rainha se sentia isolada. No ano de 37 a.C, começou uma expedição, solicitada por Antônio, contra os portos e os dois se encontraram em Antioquia.

No ano seguinte nasceu o terceiro filho, no entanto a guerra contra os Partos terminou em derrota e Otávio usou esse fato para incitar os romanos contra Marco Antônio.

Marco Antônio ainda tornou Cleópatra rainha da Síria, Cilícia, Chipre e Arábia. Esse ato provou a revolta de Otávio, que declarou guerra a rainha.

Liderando uma frota poderosa, Marco Antônio foi derrotado por Otávio e o general Agripa. Ele conseguiu chegar às costas de Alexandria e pensou que foi largado pela rainha. Desta maneira, cometeu suicídio com sua espada.

Morte

A guerra entre Lépido, Marco Antônio e Otávio, sobrinho de Júlio César, pelo poder, terminou em guerra entre Marco Antônio e Otávio. Em 31 a. C.,  na Batalha de Actium, Marco Antônio tirou a própria vida.

Ao ver o seu poderio destruído por Otávio, homem que ela não conseguiu seduzir, Cleópatra deixou uma cobra picar-lhe e morreu. Dessa forma, o Egito foi anexado ao Império Romano e Otávio tornou-se o primeiro Imperador de Roma.

Mito da Cleópatra no Ocidente

A rainha do Egito faz parte do imaginário ocidental como sinônimo de beleza e sedução. O fato de ter seduzido dois homens poderosos do seu tempo ajuda na construção dessa lenda.

Pinturas históricas do século XIX e filmes realizados no século XX ajudam a fortalecer suas características.

Filmes 

Filme: Cleópatra

Foi um dos filmes mais caros do cinema, custou cerca de 44 milhões de dólares, na época. As filmagens foram concluídas após três anos. Sua receita rendeu e rendeu 71 milhões.

  • Ano: 1963
  • Diretor: Joseph L. Mankiewickz

Filme: A Serpente do Nilo

Produzido e dirigido por William Castle, um especialista em produções de baixo orçamento, ele recriou o Egito Antigo mesmo com poucos recursos.

  • Ano: 1953
  • Diretor: William Castle

Filme: Cléopâtre

Esse longa é considerado um dos primeiros filmes de terror da história. Por muito tempo foi considerado um filme perdido, até ser descoberta uma cópia na França em 2005.

  • Ano: 1899
  • Diretor: Georges Mélies

Filme: A Vida Íntima de Marco Antônio e Cleópatra

Comédia mexicana que usa o tema de viagem no tempo e suas respectivas confusões. Protagonizado pelo argentino Luis Sandrini e pela cubana Maria Antonieta Pons, que fizeram carreira no cinema mexicano.

  • Ano: 1947
  • Diretor: Roberto Gavaldón

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Oliveira, Filipe. Cleópatra; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/cleopatra >. Acesso em 29 de janeiro de 2020 às 23:43.

Copiar referência

Outros Artigos de História

Ciclo do Pau-Brasil

O Ciclo do Pau-Brasil foi um período histórico da nação […]

Ciclo do ouro, um dos ciclos importantes do Brasil.

Ciclo do Ouro

O Ciclo do Ouro também era chamado de “ciclo da […]

Um dos ciclos econômicos do Brasil, foi o ciclo do café.

Ciclo do Café

O Ciclo do Café foi a atividade econômica mais importante […]

Ciclo do Algodão no Brasil

O Ciclo do Algodão no Brasil aconteceu entre a segunda […]