Comédia Grega

Surgiu na Grécia Antiga

A comédia grega é um dos gêneros do teatro da Grécia Antiga. Foi nesse período que surgiram as Artes Cênicas, sempre como uma forma de expressão que se mostrava por meio do drama ou pela comédia, sendo esses os dois primeiros gêneros que existiram, e que por muito tempo foram os únicos dentro do teatro.

Tanto as tragédias, quanto as comédias, eram encenadas nas arenas gregas. As peças falavam sobre o cotidiano e política, no caso das comédias, ou sobre heróis e deuses gregos e seus erros, como as tragédias.

A comédia era o estilo teatral que tinha mais interação com o público que assistia a peça, ao contrário do drama, onde não tinha tanto diálogo com as pessoas que paravam para admirar o espetáculo.

As comédias gregas eram encenadas nas arenas
As comédias gregas eram apresentadas em arenas, o que facilitava a interação com o público. (Foto: Wikipedia)

A Comédia Grega

Todas as peças tinham a mesma estrutura básica, mas tragédia e comédia se diferenciavam com alguns detalhes. Na comédia, os atores usavam roupas semelhantes com as dos cidadãos comuns. Isso ajudava na interação com público, já que se sentiam mais próximos do contexto atuado.

Os atores também usavam sandálias. As comédias eram feitas por quatro atores. Cada ator tinha mais de um papel e todos usavam máscaras.

A comédia grega nasceu cerca de meio século após a tragédia. Entre os atores de comédia é possível citar importantes autores como Aristófanes. Nas obras, ele tratava de assuntos do cotidiano do governo grego, a educação dos sofistas e a guerra. Alguns nomes de suas peças teatrais são:

  • Os cavaleiros
  • As nuvens
  • Lisístrata

Ainda surgiu depois a Nova Comédia, um movimento dentro do gênero teatral da Comédia. Ela ganhou corpo mais precisamente após a morte de Alexandre Magno. Uma das referências desse movimento foi Menandro. Ele tinha um estilo de enredo diferente dos modelos anteriores, onde não falava muito sobre as políticas gregas, mas sobre identidades falsas, intrigas familiares e amorosas.

A Tragédia Grega

Diferentemente da comédia grega, a tragédia era feita com três atores e eles usavam roupas diferentes do comum. As vestimentas eram chamadas de quiton, que se assemelhavam a túnicas que iam da cabeça até os pés. Como calçados se usavam coturnos. Na tragédia também se usava máscara e os atores viviam mais de um personagem.

Grandes Autores

Muitos homens gregos, filósofos e estudiosos, foram nomes do teatro, seja comédia ou tragédia, deixaram seu nome da história dessa arte e são lembrados até hoje. Saiba mais:

  • Ésquilo (525 a 456 a.C.. aproximadamente)

Texto mais conhecido: Prometeu acorrentado, contava fatos sobre os deuses e os mitos.

  • Sófocles (496 a 406 a.C. aproximadamente)

Texto mais conhecido: Édipo Rei, o tema principal que tratava sua obra era as grandes figuras reais.

  • Eurípides (484 a 406 a.C. aproximadamente)

Texto mais conhecido: As troianas, tratava principalmente dos renegados e dos vencidos. Ele é considerado o pai do drama ocidental.

  • Aristófanes (445 a.C.? – 386 a.C.)

Ele é considerado o maior dramaturgo representante da comédia grega clássica.

Os Grandes Teatros

Assim como a arte a estrutura física teatral também nasceu na Grécia Antiga e alguns nomes são de grande relevância:

  • Teatro de Epidauro
  • Teatro de Dodona
  • Teatro de Delfos
  • Teatro de Segesta
  • Teatro de Siracusa
  • Odeon de Herodes Ático
  • Teatro de Dionísio

A palavra teatro tem origem no grego como theatron e significa “local onde se vê”. As primeiras arenas teatrais foram feitas durante o século VI a. C., mas independente das construções os historiadores contam que as peças eram encenadas em ruas, qualquer lugar público.

Os teatros eram feitos em lugares livres e em depressões, declives, ou seja, ladeiras, porque dessa maneira do lugar mais alto até o mais baixo, ou seja,  no nível do palco qualquer pessoa poderia ver como estava acontecendo o espetáculo teatral.

Assim, podemos dizer que os antigos teatros possuem formatos semelhantes aos atuais e também às salas de cinema, tendo como principal diferença o fato de que arenas teatrais eram ao ar livre.

O Teatro Grego

O teatro nasceu na Grécia e não era muito diferente de como é hoje. O que realmente mudou foram as formas de atuar. Na Grécia usavam-se máscaras tristes nas tragédias e felizes nas comédias.

As origens dessa arte estão ligadas ao deus Dionísio. Ele era o deus a festa, do vinho, da luxúria e da fertilidade. E assim como nos dias de hoje existem festas voltadas aos santos católicos, os gregos tinham seis dias no ano para celebrar e festejar a esse deus, sempre com muita alegria e cânticos pelas ruas gregas.

As procissões eram regadas a músicas e o povo usava máscaras. Isso levou a movimentações diferentes e interessantes, pois ao cantar as músicas muitos interpretavam as letras e encenavam, ainda que naturalmente, peças teatrais.

Com o passar do tempo as interpretações ganharam corpo e caíram no gosto da sociedade da época. Elas cresceram de forma tão extraordinária, que existem até hoje.

O teatro grego surgiu em Atenas e se espalhou da Ásia até a África. Depois do declínio do império grego e com a ascensão do império romano, o teatro continuou como parte da cultura do povo e depois foi levado para o restante do mundo.

Características do Teatro Grego

As mudanças que aconteciam nos festejos a Dionísio despertaram a curiosidade de filósofos e estudiosos da época, e pouco a pouco surgiram escritores de teatro. Inicialmente apareceram os autores de tragédia, e anos depois os da comédia.

Um nome muito importante no meio dos escritores teatrais gregos é Tépis, o primeiro de todos eles. Mas além dele, também é possível citar outros nomes importantes, tais quais:

  • Homero
  • Choerilus
  • Pratinas
  • Phrynichus.

Todos esses autores deixaram sua marca na história do surgimento do teatro por meio do seus estilos próprios de contar as histórias e entreter o público de sua época. As peças eram compostas apenas por homens, além da figura de um narrador.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Maria Azevedo, Amanda. Comédia Grega; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/comedia-grega >. Acesso em 18 de novembro de 2019 às 17:19.

Copiar referência

Outros Artigos de Artes

Monumento à Terceira Internacional.

Construtivismo nas artes

O construtivismo nas artes está relacionado com o movimento artístico […]

A Commedia dell’arte fazia a utilização do humor e críticas à sociedade em palcos improvisados.

Commedia Dell’Arte

A Commedia Dell’Arte iniciou-se a partir do início do século […]

Circo armado

Circo

O circo é o lugar onde acontecem expressões artísticas que […]

características das cores matiz

Características das Cores

As características das cores podem ser descritas como matiz, tonalidade […]