Deusa Hera

Protetora do casamento, da vida e da fertilidade

A deusa Hera, também conhecida como a rainha do Olimpo, era muito amada pelo povo pois era a protetora do casamento, da vida e da mulher. Filha de Cronos e Réia, ela tinha o pavão como seu animal predileto e é sempre associada ao signo de Escorpião.

História da deusa Hera

Uma das representações da deusa Hera. (Foto: Wikipédia)

Casada com Zeus, o deus dos deuses, ela tinha a fama de ser bastante ciumenta, principalmente pelo fato de seu marido ser infiel. Com um temperamento vingativo, Hera protagonizou diversas discussões, pois como não podia punir seu marido pelas traições, ela castigava os filhos bastardos e as amantes de Zeus.

A lenda conta que, além das inúmeras traições e humilhações, Hera ainda sofreu quando seu marido decidiu gerar sozinho sua filha, a deusa grega Atena, para mostrar que não precisava dela para conceber um filho.

Representação

Sentada em um trono, com uma coroa de ouro, Hera possuía sempre uma túnica cobrindo seu corpo. O pavão, a vaca e a romã eram seus símbolos, pois representam respectivamente a orgulho e vaidade, prosperidade e por fim, a abundância e fertilidade.

Templos da deusa Hera

Ao todo, a deusa Hera teve sete templos em toda a Grécia. O mais importante deles foi o da região de Olímpia, onde havia uma estátua da deusa, sentada em um trono, e em uma escala bem menor, Zeus sendo representado como um guerreiro.

Deusa Hera e o ciúme

Hera e Ió

Um dos episódios que retratam o ciúme de Hera foi quando Zeus, com medo de ser pego pela esposa com uma das amantes, chamada de , precisou transformá-la em uma vaca. Desconfiada, ela pediu a vaca de presente. Como não podia lhe negar alguma coisa, ele lhe deu como havia pedido.

A vaca ficou aos cuidados de Argos, um monstro que possuía muitos olhos, e sempre dormia com um deles aberto. Não suportando ver o sofrimento de sua amante, Zeus ordenou que seu filho Hermes matasse Arcos. E ele assim o fez. Após tocar uma canção, o monstro dormiu completamente, e logo após teve sua cabeça decapitada.

Após saber o acontecido, Hera ficou muito triste e decidiu pegar os olhos do mostro e colocá-los na cauda de seu pavão. Apesar do ocorrido, Hera permaneceu perseguindo Ió e decidiu devolvê-la a forma humana somente após Zeus prometer que jamais trairia ela novamente.

Hera e Calisto

Outro episódio foi quando ela transformou a deusa Calisto em uma ursa. Com sua beleza deslumbrante, Calisto acabou conquistando Zeus. Quando soube da relação, Hera a transformou em uma ursa. Com medo dos caçados, Calisto se isolou de tudo e de todos.

Em uma certa ocasião, ao ver seu filho, Calisto foi correndo ao seu encontro para abraçá-lo, mas, sem saber que era sua mãe, ele preparou uma lança para atingi-la.

Temendo que o pior acontecesse, Hera transformou ambos em estrelas, por meio de um feitiço, a Ursa maior e a Ursa menor, e os enviou para o céu. Além disso, ela pediu que Tétis e Oceano, as divindades do mar, que não permitissem que ambos descansassem em suas águas. Por isso, as constelações ficavam em círculos e não desciam para as suas águas como todas as outras estrelas.

Curiosidade sobre a deusa Hera

  • Hera é irmã e esposa de Zeus, filha de Cronos e Réia.
  • Conta a lenda que Hera foi conquistada por Zeus quando ele estava na forma de um cuco. Em um dia chuvoso, a deusa concedeu àquela pequena ave abrigo entre os seios, sem saber que era Zeus disfarçado. Ela ficou completamente encantada com o pássaro e consequentemente com o deus supremo.
  • Ela não cedeu facilmente aos encantos do deus sedutor e demorou 300 anos para aceitar o noivado.
  • Como presente do matrimônio, a deusa Gaia deu algumas maçãs de ouro para Hera. Apaixonada pelas frutas, ela decidiu plantá-las em seu quintal, onde surgiu o famoso Jardim das Herpérides. As maças douradas que nasciam no jardim eram famosas por serem fontes da juventude eterna.
  • Segundo Homero, Hera não pode ser considerada a rainha dos deuses, pois seus poderes não se comparam aos de Zeus. Portanto, para os homéricos ela era tratada simplesmente como a esposa do deus supremo.
  • Apenas uma amante de Zeus ficou imune à fúria de Hera, que foi Maia. Mãe de Hermes e uma das sete plêiades filhas de Atlas, Hera admirava a beleza e a simpatia de Maia.
  • Ela rejeitou um de seus filhos, o Hefesto, que nasceu deficiente. Logo após o nascimento, ela lançou-o do Monte Olimpo. Quando se tornou adulto, como vingança, o deus construtor ofereceu à mãe um trono mágico. Ao sentar-se Hera ficou aprisionada por muitos dias sem conseguir levantar-se. O encanto só foi quebrado após a promessa de ter Afrodite como esposa.
  • Na mitologia romana sua correspondente é Juno, assim o mês de Junho é uma homenagem a ela.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

BARBOSA, Elson. Deusa Hera; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/deusa-hera >. Acesso em 30 de janeiro de 2020 às 02:04.

Copiar referência

Outros Artigos de Religião

Dez Pragas do Egito 7

Dez Pragas do Egito

As Dez Pragas do Egito foram dez desastres que ocorreram […]

catolicismo

Catolicismo

O catolicismo é uma religião cristã que se tornou oficial […]

Sincretismo e Religiões Afro-brasileiras

O sincretismo é definido como a fusão de várias religiões. […]

Igreja Ortodoxa

Igreja Ortodoxa

A Igreja Ortodoxa reúne a segunda maior comunidade cristã do […]