Gêneros Textuais

Classificação das diferentes formas de linguagem empregadas nos textos

Os gêneros textuais são as diferentes classificações dos textos de acordo com as características que eles apresentam em relação a determinado contexto. Para identificar o gênero textual é necessário considerar o objetivo, a função e o contexto no qual o texto se insere.

Os gêneros textuais são considerados textos com uma função social dentro de um processo de comunicação. Cada tipo de texto apresenta uma intenção comunicativa bem definida, um conjunto de características semelhantes, seja na estrutura, conteúdo ou tipo de linguagem. São esses aspectos que determinam os gêneros textuais.

As formas como a linguagem se apresenta nos textos pode variar e até se mesclarem em um mesmo texto. No entanto, para definir o gênero é necessário observar a linguagem que prevalece.

Existem muitos gêneros textuais e cada um deles apresentam particularidades que permitem a sua identificação. Para isso, o primeiro passo é conhecer quais são os tipos de gêneros textuais.

Gêneros textuais
Os gêneros textuais podem aparecer juntos em um mesmo texto. Nesses casos, o texto será classificado com o gênero que mais prevalecer. (Foto: Pixabay)

Embora os diferentes gêneros textuais apresentem estruturas específicas, com características próprias, é importante lembrar que eles são flexíveis e não possuem estrutura fixa.

Os gêneros estão em constante evolução, ou seja, a depender da necessidade de comunicação é possível que novos gêneros sejam criados.

Os gêneros textuais estão intimamente ligados à história da comunicação e da linguagem. Independentemente da situação, a comunicação se dá através desses enunciados.

Diferença entre tipos e gêneros textuais

É importante distinguir tipos textuais de gêneros textuais, pois trata-se de duas categorias distintas de classificação textual.  Os textos possuem linguagem e estrutura e cada um deles possui características específicas em relação à forma e conteúdo.

A classificação dos gêneros textuais se dá mediante ao seu conteúdo, enquanto os tipos textuais são classificados quanto à forma.

Assim, os gêneros textuais são classificações expressas dentro dos modelos predefinidos de tipos textuais. Eles apresentam estruturas e conteúdos temáticos que facilitam sua definição. Portanto, em cada uma tipo de texto existe gêneros específicos.

São exemplos de gêneros textuais: romance, conto, fábula, lenda, notícia, carta, bula de medicamento, lista de compras, cardápio de restaurante, dentre outros.

Já os tipos textuais são classificações fixas que definem e diferenciam a estrutura e os aspectos linguísticos. Os tipos textuais dividem-se em: narrativo, descritivo, dissertativo, expositivo e injuntivo.

Gêneros textuais dentro dos tipos de texto

Cada um dos gêneros textuais possui suas características. No entanto, é importante ressaltar que não existe textos que sejam exclusivamente de um gênero específico.

Desse modo, o que é preciso levar em conta ao analisar um texto é a predominância de características em cada um deles.

Para facilitar a compreensão é importante entender a diferença básica entre gênero textual, que é a parte concreta, de tipologia textual, que integra um campo mais teórico, mais formal.

Textos narrativo

Dentre os gêneros textuais pertencentes ao tipo textual narrativo estão: romance, conto, fábula, novela e crônica.

Os textos desse gênero são caracterizados por apresentarem ações de personagens em determinado tempo e espaço.

Um texto narrativo possui uma estrutura básica formada por: apresentação, desenvolvimento, clímax e desfecho.

Texto descritivo

Os gêneros textuais que fazem parte dos textos descritivos são: diários, relatos de viagens, folhetos turísticos, cardápios de restaurantes, classificados, dentre outros.

Um texto, geralmente, é um texto adjetivado que transmite ou descreve imagens e ambientes através de percepções e sensações do emissor.

Esse gênero textual tem um tipo de texto que relata, expõe ou descreve determinado acontecimento, lugar, pessoa ou objeto.

Texto expositivo

Os textos expositivos englobam os seguintes gêneros textuais: jornais, enciclopédias, resumos escolares, verbetes de dicionário, dentre outros.

Esse gênero apresenta textos que têm a função de expor ideias empregando recursos de comparação, conceituação, definição, informação e descrição.

Texto argumentativo

Os artigos de opinião, abaixo-assinados, manifestos e sermões são exemplos gêneros textuais que pertencem aos textos argumentativos.

Esse tipo de gênero textual é usado com o objetivo de abordar um assunto utilizando argumentações. Trata-se de um texto caracterizado por defesas de ponto de vista.

A estrutura do texto argumentativo é formada por introdução, desenvolvimento e conclusão.

Texto injuntivo

Os gêneros que pertencem aos textos injuntivos são receitas culinárias, manuais de instruções, bula de remédio, entre outros.

Esses gêneros textuais são caracterizados por indicar instruções de modo que o emissor busca persuadir e orientar o interlocutor.

Geralmente, são textos usam verbos mais verbos no imperativo.

Texto prescritivo

Já os textos prescritivos abarcam os gêneros textuais como leis, cláusulas contratuais, edital de concursos públicos, dentre outros.

Textos desse gênero buscam instruir o leitor em relação procedimento, decretando que o leitor siga o que diz o texto, da maneira como é dito.

Os textos explicativos descritivos de, certa forma, impedem a liberdade de atuação do leitor.

Gêneros textuais e gêneros literários

Os gêneros textuais englobam qualquer tipo de textos, já os gêneros literários tratam apenas de textos literários. O gêneros literários são classificados de acordo com características formais comuns em obras literárias, com base em critérios estruturais, contextuais e semânticos.

São exemplos de gêneros literários: gênero lírico, gênero épico ou narrativo, gênero dramático.

Os gêneros textuais possuem uma característica marcante que é mudar de uma circunstância para outra. Assim sempre existe possibilidade de se criar novos gêneros a partir de gêneros já existentes.

Quando ocorre a criação de novos gêneros textuais, eles surgem com a finalidade de atender às novas demandas de comunicação. Diferente dos tipos textuais, os gêneros são adaptáveis e estão em constante evolução.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

DIAS, Fabiana. Gêneros Textuais; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/generos-textuais >. Acesso em 18 de novembro de 2019 às 17:08.

Copiar referência

Outros Artigos de Língua Portuguesa

Trovadores apresentando em forma de cantiga o que foi escrito em seus textos com seus instrumentos.

Características do Trovadorismo

As características do Trovadorismo estão relacionadas com todas as particularidades […]

Chegada dos portugueses.

Características do Quinhentismo

As características do Quinhentismo, primeira manifestação literária do Brasil, estão […]

Características do Classicismo

As características do Classicismo eram baseadas na representação de elementos […]

Características do Arcadismo

As características do Arcadismo surgiram em meio ao período que […]