Ginástica laboral

A ginástica laboral é o alongamento de várias partes do corpo

A ginástica laboral é o alongamento de várias partes do corpo a exemplo do tronco, cabeça, membros superiores e membros inferiores. Os exercícios são distintos e desenvolvidos de acordo com cada função exercida pelo trabalhador. Os exercícios não são de alta performance e ocorrem em um curto período de tempo, dentro do horário de trabalho. Dessa forma, não cansa nem sobrecarrega o colaborador.

 Benefícios da ginástica laboral

A prática recorrente de exercícios físicos leva o indivíduo a ter uma vida mais saudável, no caso da ginástica laboral o praticante faz a prevenção de doenças ocupacionais. É comum quem trabalha no computador, fazendo movimentos repetitivos, desenvolver alguma doença caso não seja feita a previsão adequada.

O fortalecimento muscular, através da ginástica laboral, permite que o trabalhador se mantenha uma postura adequada. Além disso, a ginástica laboral também ajuda a diminuir o estresse e melhora a integração da equipe. Observe alguns benefícios:

Diminui os índices de afastamento médico e gastos com despesas médicas

A prática de atividade física no ambiente de trabalho ajuda a tirar os funcionários de uma rotina sedentária. Dessa forma, auxilia na melhora da resistência muscular e cardiorrespiratória, diminuindo assim os afastamentos por pressão alta e crise de diabetes.

Transforma o ambiente de trabalho

Através das atividades o ambiente de trabalho fica mais leve e alegre, aumentando o bem-estar do colaborador com o local de trabalho e a empresa. Muda o clima organizacional, proporcionando maior interação entre os colaboradores.

Aumenta a qualidade de vida no trabalho

Através da prática esportiva o corpo libera a endorfina, substância que aumenta a felicidade e combate o mau humor. Ele diminui os níveis de estresse e instiga pensamentos positivos, contribuindo para a melhor qualidade de vida no trabalho.

Atende à norma regulamentadora número 17 (NR-17)

A NR17 é conhecida como norma da ergonomia, visando melhorar a ergonomia no trabalho. Através dos exercícios laborais são funcionais, eles utilizam como base os movimentos dos trabalhadores no seu dia a dia.

Otimiza a rotina dos trabalhadores

Uma vida sedentária tem efeitos negativos sobre os seres humanos. Com o tempo, o corpo perde sua resistência muscular tornando tarefas simples muito cansativas.

Ginástica Laboral
Técnicas de Ginástica laboral (Foto: flickr)

Minimiza a sensação de fadiga e esgotamento ao fim do dia

As pessoas associam atividades físicas ao cansaço e acaba evitando os exercícios por esse motivo. Porém, isso acontece só no inicio. Depois de um tempo, o efeito é inverso: o corpo armazenará cada vez mais energia e o esgotamento físico deixará de fazer parte da rotina

Diminui riscos de acidentes de trabalho

A ginástica laboral também propõe efeitos importantes na atenção e no sistema neuromotor. Assim, a prática de exercícios ajuda a diminuir os acidentes causados por desequilíbrio, esforço repetitivo e concentração de cargas em um único lado do corpo.

Ajuda a aumentar o foco, a concentração e a disposição

Manter o foco é uma habilidade que depende do seu bem-estar geral. Quando estamos alegres e dispostos, nossa concentração é melhor. A endorfina também atua de forma intensa nesse ponto, pois gera uma sensação relaxante.

Eleva a produtividade e o desempenho

Esses benefícios reunidos são capazes de aumentar a produtividade, pois o trabalhador sempre terá uma equipe completa e entusiasmada. Além disso, o exercício combate um dos principais obstáculos da produtividade, o estresse.

Melhora a imagem da instituição para empregados e sociedade

Atualmente os valores politicamente corretos têm muito valor! Então, uma empresa preocupada com o bem-estar de seus funcionários ganha uma vantagem no mercado.

Diminui o absenteísmo

Com à ausência de um colaborador, um projeto pode atrasar por mais um, dois ou três dias comprometendo a entrega de resultados. Funcionários com boa disposição e bem-estar garantidos pela ginástica laboral tendem a faltar menos por condições de saúde.

Reduz as taxas de turnover

Um dos grandes problemas do mercado de trabalho é a alta rotatividade de profissionais — o chamado turnover. Uma empresa que investe no bem-estar corporativo, mostra a importância e responsabilidade que tem pelos funcionários, que vão, assim, pensar e repensar na hora de trocar uma empresa por outra.

 Tipos de ginástica laboral

Ginástica laboral preparatória

O nome já carrega o seu significado: preparar para a jornada de trabalho. Por isso, essa ginástica é feita antes de começar a rotina na empresa.

Através de exercícios de coordenação, flexibilidade e resistência, essa modalidade ativa fisiologicamente o corpo do funcionário, deixando o mesmo mais concentrado e disposto para as atividades. Esse tipo de ginástica dura em média 12 minutos.

Ginástica laboral compensatória

Ao longo da jornada de trabalho o funcionário sente uma dor na musculatura porque se esforçou de maneira incorreta. Para prevenir esse desconforto é usada a ginástica laboral compensatória durante o trabalho.

Com exercícios de alongamento, respiração e postura, essa ginástica ajuda a aliviar uma eventual tensão muscular. Sendo assim, o funcionário não precisa se ausentar do trabalho caso sofra algum esforço excessivo, uma vez que ginástica laboral compensatória ajuda nesse quesito.

Ginástica laboral de relaxamento

A ginástica laboral e relaxamento é aplicada faltando pouco tempo para o fim do expediente.  Ela tem o objetivo de diminuir o ritmo de trabalho, reduzindo o estresse e aliviando tensões que foram adquiridas ao longo da jornada. Para chegar nesse objetivo podem ser feitos exercícios de massagem, meditação e respiração.

Ginástica laboral corretiva

Em algumas situações de trabalho podem existir estruturas ergonômicas impróprias para determinado funcionário.  E isso pode trazer consequências negativas para o corpo do colaborador. Para tentar reduzir e combater esses efeitos, a ginástica laboral corretiva busca proporcionar o equilíbrio muscular.

Para chegar ao objetivo são feitos exercícios para fortalecer e alongar os músculos. Esses exercícios podem ser feitos todos os dias, durante 10 minutos.

 

Ginástica laboral história

O primeiro registro desses exercícios vem da Polônia em 1925, com o nome de “Ginástica Pausada”. Anos mais tarde já estava na Holanda e Rússia.

Já na década de 60, chegou a outros países da Europa e Japão – onde ocorreu sua consolidação. No Brasil, essa prática chegou em 1973, na escola de educação Feevale, através do projeto de Educação Física Compensatória e Recreação.

Ainda no Brasil, a primeira empresa a proporcionar ginástica laboral aos seus funcionários foi a Fábrica de Tecidos Bangu.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Oliveira, Filipe. Ginástica laboral; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/ginastica-laboral >. Acesso em 18 de novembro de 2019 às 19:41.

Copiar referência

Outros Artigos de Educação Física

Importância da atividade física para saúde

A importância da atividade física para a saúde

A importância da atividade física para a saúde está diretamente […]

esportes-paralimpicos-atletismo-pista

Esportes Paralímpicos

Os Esportes Paralímpicos melhoram a condição cardiovascular dos praticantes, aprimora […]

beisebol

Beisebol

Em uma partida de beisebol o objetivo  é pontuar batendo […]

Badminton

Badminton

Badminton é um esporte semelhante ao tênis e ao vôlei […]