Organelas Celulares

Estruturas responsáveis pelo funcionamento das células eucariontes

As organelas celulares são responsáveis por realizar funções importantes dentro das células eucariontes de animais e vegetais. Elas são pequenos órgãos envoltos por membranas internas, que garantem às organelas formas e funções específicas.

As organelas celulares também são chamadas por organelas citoplasmáticas, pois elas estão mergulhadas no citosol, localizadas no interior do citoplasma das células eucariontes. O citoplasma é composto por citosol, organelas e outras estruturas (ribossomos e citoesqueletos).

Citosol

O citosol ou hialoplasma armazena as substâncias de reserva usadas pelas células e também é o local de produção de moléculas que formam as estruturas celulares – onde ocorre a glicólise e a biossíntese de açúcar.

O citosol é um material gelatinoso que pode conter uma consistência mais fluída ou viscosa. Ele é rico em água, proteínas dissolvidas, eletrólitos, glicose, compostos lipídicos e substâncias que irão conter as organelas celulares e o citoesqueleto.

Organelas celulares

As organelas celulares da célula animal são classificadas em: retículos endoplasmáticos liso e  rugoso, Complexo de Golgi, mitocôndrias, lisossomos, peroxissomos, núcleo e centríolos. A seguir, conheça cada uma delas.

Retículo endoplasmático rugoso

Esse retículo contém grânulos (ribossomos) associados à sua membrana que lhes confere uma aparência rugosa, dando origem a esse nome. Os retículos possuem uma estrutura mais achatada.

A principal função do retículo endoplasmático rugoso (RER) é a sintetização de proteínas, além de participar do dobramento e transporte dessas substâncias para outras partes da célula, fazendo com que ela seja secretada.

Retículo endoplasmático liso

Ao contrário do rugoso, o retículo endoplasmático liso tem a função de sintetizar lipídeos como os fosfolipídios, óleos e esteroides (incluindo os hormônios sexuais estrogênio e testosterona).

Outra função que eles exercem é o metabolismo celular, além de realizarem a quebra do álcool no organismo de pessoas que ingerem bebidas alcoólicas.

Complexo de Golgi

O complexo de golgi recebe as proteínas sintetizadas no RER e são responsáveis por armazenar, modificar e exportar essas proteínas para fora da célula ou para a membrana plasmática.  

O processo é completado quando algumas dessas proteínas sofrem a reação da adição de um açúcar (glicosiladas) no RE e no Golgi, caso contrário, essas proteínas podem se tornar inativas.

Além disso, o complexo golgiense produz vesículas que brotam e se soltam formando os lisossomos (outro tipo de organela celular) e ainda são responsáveis por produzir o acrossomo (cabeça do espermatozoide).

Lisossomos

Os lisossomos são organelas celulares que contém substâncias digestivas formadas no retículo endoplasmático rugoso e amadurecidas pelo Complexo de Golgi. Logo, sua função é digerir moléculas orgânicas como lipídios, carboidratos, proteínas e ácidos nucleicos (DNA e RNA).

Peroxissomos

Os peroxissomos são organelas celulares presentes tanto na célula animal quanto vegetal. Essa organela armazena enzimas digestivas, que são responsáveis principalmente pela catalisação do peróxido de hidrogênio, popularmente conhecido como água oxigenada (H2O2).

A água oxigenada é uma substância tóxica para a célula, além de ser fonte de radicais livres. A sua produção em excesso poder ser prejudicial à saúde. Por isso, os peroxissomos produzem uma enzima chamada de catalase, capaz de destruir essa substância.

Mitocôndrias

As mitocôndrias são organelas celulares envoltas por uma membrana dupla (interna e externa) chamada de cristas mitocondriais. Elas são capazes de se reproduzir, pois possuem moléculas de DNA circular, a exemplo das bactérias.

A grande função dessas organelas é a respiração celular, responsável pela produção de grande parte de energia (ATP) essenciais para as funções vitais do seres vivos.

Núcleo

Embora seja um tipo de organela negligenciada por alguns livros didáticos, o núcleo é maior organela existente dentro da célula. Ela é responsável por armazenar todo o material genético (DNA) do corpo dentro da célula, além de fazer a regulação das reações químicas celulares.

Centríolos

Os centríolos são estruturas cilíndricas formadas por nove tubos microscópicos (microtúbulos). Essas organelas participam da divisão celular (mitose e meiose) movimentando os cromossomos durante esse processo.

Depois de conhecer as estruturas e funções das organelas de uma célula eucarionte animal, confira duas organelas importantes na célula vegetal:

Plastos

Os plastos tem uma importante função dentro da célula vegetal, pois eles produzem os cloropastos, que realizam a fotossíntese. O tamanho e a forma dessas organelas variam conforme o tipo de célula e de organismo em que elas se encontram.

Vacúolos

O vacúolos são organelas preenchidas com fluídos diferentes do citoplasma. A principal função é a de reserva de substâncias como a seiva, pois elas atuam no mecanismo de pressão osmótica, conhecido como turgor.

O tugor regula a entrada de água e a rigidez dos tecidos vegetais, permitindo que a planta fique mais ereta. Embora seja uma organela típica de células vegetais, os vacúolos também agem em organismos procariotas (bactérias) com função de armazenamento, ingestão, digestão e eliminação de substâncias.

Organelas celulares-citoplasma
Citoplasma. (Foto: Wikipedia)

Ribossomos

Os ribossomos são pequenas estruturas em forma de grânulo encontradas nas células eucariontes e procariontes. Eles são responsáveis por formar e sintetizar proteínas. Podem ser encontrados livres no citoplasma ou no retículo endoplasmático rugoso.

Além disso, reúnem diferentes aminoácidos durante a síntese proteica através de uma ligação química chamada de ligação peptídica.

Citoesqueletos

O citoesqueleto é responsável por sustentar e dar resistência a célula, além de ajudar na movimentação celular por meio dos microfilamentos encontrados em sua estrutura. Nos movimentos intracelulares, realizado dentro da célula, o citoesqueleto auxilia no transporte das organelas dentro do citoplasma.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

MENDONÇA, Camila. Organelas Celulares; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/organelas-celulares >. Acesso em 29 de janeiro de 2020 às 17:50.

Copiar referência

Outros Artigos de Biologia

Celoma

O Celoma tem origem do latim “cele” que significa “cavidade”. […]

Cavalo Marinho

O Cavalo Marinho é da espécie do Hippocampus, um gênero […]

Cavalo

O Cavalo é um animal mamífero que pertence a um […]

Caule

O Caule é o órgão que conduz as seivas das […]