Paisagem

Espaço modificado pela natureza ou intervenções humanas

Paisagem, no estudo da geografia, é um espaço que pode ser visto num determinado momento, pois, com o tempo, a sua aparência sofre ações externas e internas, oriundas da natureza e do homem.

Contudo, diferente do que muitas pessoas pensam, a paisagem não se limita apenas a uma divisão geográfica, mas também às sensações que esse ambiente é capaz de transmitir. Além disso, pode revelar aspectos referentes à história, à cultura e à economia de uma sociedade.

Para alguns estudiosos, também está relacionada a herança, fazendo parte, inclusive, da memória de algumas pessoas. Isso quer dizer que, além de valores, a paisagem pode assumir variadas funções.

O ambiente visto nos dias de hoje pode ter passado por modificações em decorrência do seu uso. Um local que antes era visto cheio de árvores, por exemplo, pode ter sido modificado para comportar as demandas populacionais, como a construção de prédios, pavimentos, etc.

No vídeo abaixo, confira os principais conceitos geográficos.

Tipos de paisagem

Para o geográfico francês Oliver Dolfuss,  as categorias da paisagem são frutos das ações humanas no espaço. Por isso, ele as classifica em três grandes famílias, em razão das modalidades de intervenção. O Guia Estudo fez um resumo de cada uma delas:

Paisagem natural

Consiste em um espaço que não sofreu modificações pelo homem, mas de elementos naturais como o clima, o relevo, a hidrografia, os tipos de solos e vegetação. Como exemplo é possível destacar: rios, montanhas, cachoeiras, praias, campos, dentre outros.

Esses elementos naturais podem ser entendidos como produtos da combinação de fatores específicos, nos quais atuam de forma interna ou externa no planeta Terra. Um exemplo de agente interno que provoca a modificação das paisagens é a placa tectônica. Elas alteram o relevo terrestre.

A ação dos ventos, por outro lado, é um agente de ação externa, uma vez que eles desgastam as rochas e solos.  Com isso, as transformações ocorrem de maneira gradual no ambiente, não sendo visíveis aos olhos humanos de imediato.

Contudo, existe um fator (ação humana) que pode interferir diretamente na paisagem, criando uma nova configuração para esta. Isso mostra que a sociedade é capaz de transformar o meio de acordo com os seus interesses, descaracterizando a paisagem natural e intervindo na sua dinâmica.

Paisagem humanizada

São aquelas que sofreram manipulações humanas em maior ou menor escala. Nessa classificação, os espaços são modificados para a criação de infraestruturas, como escolas, prédios, hospitais, casas, dentre outros. Toda vez que houver uma construção humana, será caracterizada de paisagem humanizada ou artificial.

Paisagem cultural

Demonstra aspectos culturais de uma extensão territorial, ou seja, a maneira como revela os costumes e os valores de seus habitantes. As aldeias indígenas são um exemplo disso, pois a ocupação desses locais é diferente dos espaços desenvolvidos para as demais populações. 

A natureza é indispensável, mas a humanização de alguns territórios também deve ser valorizada, visto que grande parte das construções proporcionam bem-estar e melhoria de vida para os seus habitantes.

Em tudo isso deve existir o equilíbrio, pois as paisagens necessitam da preservação para conservar a identidade de um povo. –

Exemplos de paisagem

Existem diversas paisagens modificadas tanto pela ação do homem,  quanto por fenômenos naturais. Abaixo,  o Guia Estudo selecionou algumas das paisagens mais incríveis do planeta.

Cataratas do Iguaçu

O processo que deu origem as cataratas foi o vulcanismo, juntamente com o extravasamento e consolidação da lava vulcânica. Essa paisagem existe há mais de 150 milhões de anos. Parte dela pode ser vista do Foz do Iguaçu, no Brasil,  e a outra metade em Misiones, na Argentina.

O desnível existente entre os leitos dos rios Iguaçu e Paraná ocorre devido a erosão mais intensa do Rio Paraná. Isso esculpe de maneira mais profunda o seu canal e afluentes. 

Paisagem natural
Cataratas Foz do Iguaçu, Paraná, Brasil. (Foto: Wikipédia)

Grand Canyon

Localizado nos Estados Unidos, o Grand Canyon ganhou forma há milhares de anos, com a ação do Rio Colorado. Hoje em dia, atrai turistas de vários locais do mundo, sendo considerado o maior e mais espetacular canyon da Terra.

Pelourinho

O Pelourinho, situado na cidade de Salvador,  também entra na lista de paisagens humanizadas ou artificiais desenvolvidas pelo homem. Ele é considerado um espaço de resistência, uma vez que foi estruturado pela ação e vivência dos homens, guardando em si aspectos relativamente simbólicos.

No início dos anos 1990, com a intenção de atrair turistas para o local, passou por um processo de revitalização, transformando-se no polo de cultura e comércio.

Coliseu

Considerado um dos monumentos mais belos de Roma, o Coliseu é um tipo de paisagem artificial. Esse anfiteatro foi construído durante o  Império Romano e,  apesar das ruínas, tem capacidade de abrigar mais de 50. 000 pessoas, recebendo a visita de milhares de turistas o ano inteiro.

O local foi palco de grandes batalhas, a exemplo de festivais, jogos e lutas entre gladiadores. Contudo, parte da sua estrutura foi destruída com a ação de fenômenos naturais, como os terremotos.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

MENDONÇA, Camila. Paisagem; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/paisagem >. Acesso em 28 de outubro de 2019 às 14:41.

Copiar referência

Outros Artigos de Geografia

As Cataratas do Iguaçu é uma das mais exuberantes belezas naturais da bacia Platina.

Bacia Platina

A Bacia Platina, também chamada de bacia do rio da […]

A bandeira do Chile representa o país internacionalmente.

Bandeira do Chile

A Bandeira do Chile possui duas listras de igual tamanho, […]

Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste

A Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste está entre as doze […]

A folha de bordo compõe a bandeira do Canadá.

Bandeira do Canadá

A Bandeira do Canadá é formada por uma tribanda de […]