Parlendas

Rimas da literatura popular

De origem latina, a palavra “parlenda” deriva do verbo “parlare”, que significa “conversar”. Formadas, em sua maioria, por versos com cinco ou seis sílabas, as parlendas são divertidas e de fácil memorização, facilitando o aprendizado das crianças, que se divertem enquanto aprendem.

Presentes na cultura popular e transmitidas de geração em geração, as parlendas, em sua maioria, não possuem autoria. Elas contribuem no desenvolvimento infantil através da memorização, e do incentivo ao uso do raciocínio lógico.

Quando introduzidas em sala de aula, as parlendas ainda promovem a socialização entre os alunos, que interagem uns com os outros por conta do clima de brincadeira que elas proporcionam.

parlendas para crianças
Utilizar parlendas na educação infantil é uma forma de incentivar a criatividade. (Foto: Shutterstock)

As parlendas na Educação Infantil

As parlendas são trabalhadas sempre de forma lúdica, através de imagens, cartazes e brincadeiras, despertando maior interesse nos alunos. Esse caráter lúdico que ela possui é o seu fator mais importante na educação das crianças, pois além de aguçar a sua imaginação, proporciona o seu desenvolvimento criativo.

Por serem formadas de versos curtos e rimas que são facilmente memorizadas pelas crianças, as parlendas fazem parte do processo de alfabetização, auxiliando também na socialização dos alunos.

Temas como dias da semana e numerais, por exemplo, são memorizados mais facilmente pelas crianças quando ensinadas através de músicas. Os professores podem criar as suas próprias parlendas, na busca por uma maior fixação dos temas pelos alunos.

Exemplos de parlendas

Batatinha quando nasce
se esparrama pelo chão.
Menininha quando dorme
põe a mão no coração.

Um, dois, feijão com arroz,
Três, quatro, feijão no prato,
Cinco, seis, falar inglês,
Sete, oito, comer biscoito,
Nove, dez, comer pastéis.

Corre cutia, na casa da tia.
Corre cipó, na casa da avó.
Lencinho na mão, caiu no chão.
Moça bonita, do meu coração…
Um, dois, três!

Hoje é domingo, pede cachimbo
Cachimbo é de barro, dá no jarro
O jarro é fino, dá no sino
O sino é de ouro, dá no touro
O touro é valente, dá na gente
A gente é fraco, cai no buraco
O buraco é fundo, acabou-se o mundo!

Cadê o toucinho que estava aqui?
O gato comeu.
Cadê o gato?
Foi pro mato.
Cadê o mato?
O fogo queimou.
Cadê o fogo?
A água apagou.
Cadê a água?
O boi bebeu.
Cadê o boi?
Foi carregar trigo.
Cadê o trigo?
A galinha espalhou.
Cadê a galinha?
Foi botar ovo.
Cadê o ovo?
O frade comeu.
Cadê o frade?
Tá no convento.

Pisei na pedrinha,
A pedrinha rolou
Pisquei pro mocinho,
O mocinho gostou
Contei pra mamãe
Mamãe nem ligou
Contei pro papai,
O chinelo cantou.

Trava-línguas

Os trava-línguas pertencem ao grupo das parlendas, e se diferenciam por serem formados de palavras parecidas, que se repetem e formam frases difíceis de serem pronunciadas ligeiramente.

Por ajudarem na oralidade das crianças, os trava-línguas também fazem parte do processo de alfabetização, melhorando a dicção dos alunos em determinadas palavras.

A dica para pronunciar corretamente o trava-língua está no treinamento da pronúncia das palavras, se atentando para as diferenças entre as sílabas.

Exemplos de trava-línguas

O doce perguntou pro doce
Qual é o doce mais doce
Que o doce de batata-doce.
O doce respondeu pro doce
Que o doce mais doce que
O doce de batata-doce
É o doce de doce de batata-doce.

Um ninho de mafagafos tinha sete mafagafinhos. Quem desmafagar esses mafagafinhos bom desmagafigador será.

Atrás da pia tem um prato
Um pinto e um gato
Pinga a pia, apara o prato
Pia o pinto e mia o gato.

O tempo perguntou ao tempo quanto tempo o tempo tem, o tempo respondeu ao tempo que o tempo tem tanto tempo quanto tempo, tempo tem.

O peito do pé de Pedro é preto. Quem disser que o peito do pé de Pedro é preto, tem o peito do pé mais preto do que o peito do pé de Pedro.

Olha o sapo dentro do saco
O saco com o sapo dentro,
O sapo batendo papo
E o papo soltando o vento.

Curiosidades sobre parlendas

  • Em outros países, dependendo do contexto da frase, a palavra “parlenda” pode se referir a uma briga, rixa ou discussão.
  • Trazidas de Portugal, onde são conhecidas como cantilena ou lenga-lenga, as parlendas adquiriram novas características aqui no Brasil, de acordo com a cultura de cada região.
  • As parlendas foram criadas com o objetivo de divertir as crianças, ao mesmo tempo em que ensina alguma coisa.
  • Em algumas regiões as parlendas também são conhecidas como trava-línguas.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Pina, Cíntia. Parlendas; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/parlendas >. Acesso em 23 de janeiro de 2020 às 00:27.

Copiar referência

Outros Artigos de Língua Portuguesa

Trovadores apresentando em forma de cantiga o que foi escrito em seus textos com seus instrumentos.

Características do Trovadorismo

As características do Trovadorismo estão relacionadas com todas as particularidades […]

Chegada dos portugueses.

Características do Quinhentismo

As características do Quinhentismo, primeira manifestação literária do Brasil, estão […]

Características do Classicismo

As características do Classicismo eram baseadas na representação de elementos […]

Características do Arcadismo

As características do Arcadismo surgiram em meio ao período que […]