Petróleo

Mistura de substâncias oleosas

O petróleo é uma composição de substâncias oleosas, inflamável e, em geral, menos denso que a água. Possui cheiro específico e uma coloração que varia entre incolor, castanho claro, marrom (castanho), verde ou preto.

Plataforma de Petróleo em Angra dos Reis
Plataforma de petróleo em Angra dos Reis – Rio de Janeiro. (Foto: Wikipédia)

Petróleo vem do latim “Petroleum” que é a união das palavras: “Petrus” que significa “pedra” e “Oleum” que significa “óleo”, do grego “Petrélaion” que significa “óleo da pedra”. Dificilmente se encontra essa composição próxima da superfície, jorrando de maneira natural e abundante.

A formação do petróleo é definida pela concentração de substância orgânica em condições exclusivas de pressão e isolamento em camadas do subsolo de bacias sedimentares, passando por modificações por milhares de anos.

Além de encontrar-se em uma bacia sedimentar, as condições primárias para que haja a possibilidade de achar um reservatório de petróleo é a existência de algum tipo de rocha reservatório (em geral rocha porosa) revestida por uma rocha seladora – que impede que o óleo escape para a superfície e depois venha a se dissipar.

Por ser encontrado preso às rochas porosas, a extração do óleo deve ser feita através de equipamentos que perfurem as camadas rochosas e exerçam a pressão fundamental para que o óleo chegue até a superfície. Na maioria das vezes, vem misturado com sedimentos e gás.

Se a rocha reservatório não tiver boa permeabilidade, pode ser necessário fraturá-la para conseguir recuperar o óleo. Em alguns casos, mesmo confirmada a existência de petróleo, não é proveitoso comercialmente ou tecnicamente viável fazer a extração.

História

Um americano chamado Edwin Laurentine Drake (1819 – 1880) perfurou o primeiro poço da história em 1859, para procurar petróleo. A busca era por um poço que tivesse grande quantidade do também conhecido como “ouro negro” para extração. Esse poço foi descoberto na Pensilvânia – Estados Unidos da América.

Os Estados Unidos é o maior produtor e consumidor mundial de ouro negro. O primeiro poço foi encontrado em uma região de pouca profundidade em comparação às perfurações que existem nos dias de hoje, aproximadamente 21 metros. Hoje em dia existem perfurações de ouro negro que excedem os 6.000 metros.

No Brasil, o petróleo foi descoberto na Bahia, no ano de 1939. Pesquisadores afirmam que os povos antigos da China, do Egito, da Mesopotâmia e da Pérsia já utilizavam a substância para fins de iluminação, pavimentação, lubrificantes, entre outros.

Origem

A produção do petróleo se dá pela pressão da água, quando os fitoplânctons são transformados em ouro negro, esse processo demora muitos anos para ser concluído. A teoria mais aceita sobre sua origem é que o ouro negro seja originário da sedimentação de matéria orgânica (animal e vegetal) acumulada durante milhões de anos no fundo dos mares e oceanos.

Fitoplânctons

Fitoplânctons são um conjunto de microrganismos vegetais encontrados principalmente nos mares, rios e lagos e geralmente servem de alimentos para os animais. As algas são os principais componentes dos fitoplânctons. Ele realiza a mesma função das plantas e das ervas terrestres com os animais que vivem na terra, sendo alimento primordial.

Petroleo
O Brasil está entre o dez maiores produtores de petróleo no mundo. (Foto: Pixabay)

Composição química

A composição química pode variar por conta das diferenças de custos tanto de exploração quanto de produção. Além disso, há também as dificuldades que implicam no acesso e desenvolvimento do reservatório.

Todas essas questões devem ser levadas em consideração para avaliar o maior ou o menor investimento em refino para poder transformar o petróleo em produtos derivados como: asfalto, gasolina, lubrificantes, óleo diesel, plásticos, querosene, solventes, entre outros.

O petróleo é uma substância natural, uma mistura complexa de vários componentes orgânicos e de hidrocarboneto (moléculas de carbono e hidrogênio). É possível existir também pequenas quantidades de nitrogênio, oxigênio, compostos de enxofre e íons metálicos.

Quando o petróleo está em estado natural, sua composição contém base aromática, base naftênica e base parafínica, o que predomina varia de acordo com a procedência do produto. Ele pode ser classificado em naftênico, parafínico ou misto (mistura entre eles).

Depois do refino, que é o procedimento de transformação do estado natural do petróleo, é que surgem os seus derivados. O ouro negro é altamente inflamável, oleoso e uma das principais fontes de energia do mundo.

Exemplo de proporção entre os componentes de petróleo (pode variar de acordo com a amostra):

  • Carbono – 82%: elemento predominante no petróleo
  • Hidrogênio – 12%: atua com o carbono formando as moléculas
  • Nitrogênio – 4%: encontrado na forma de amina
  • Oxigênio – 1%: muito pouco encontrado
  • Sais – 0,5%: raramente aparecem
  • Metais (ferro, cobre, etc) – 0,5%: considerados resíduos

Países produtores

A maior quantidade de poços de petróleo está localizada em países do Oriente Médio, eles também são os maiores exportadores mundiais. O Brasil possui uma representatividade muito significativa nessa categoria e está há um bom tempo entre os dez primeiros colocados.

Os maiores produtores mundiais de petróleo são:

  • Estados Unidos da América
  • Arábia Saudita (OPEP)
  • Rússia
  • Canadá
  • China
  • Irã (OPEP)
  • Iraque (OPEP)
  • Emirados Árabes Unidos (OPEP)
  • Brasil
  • Kuwait (OPEP)

OPEP

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) é uma associação internacional criada em 14 de setembro de 1960 na Conferência de Bagdá.

Ela tem o objetivo de coordenar de maneira centralizada a política petrolífera dos países membros, de modo a restringir a oferta do produto no mercado internacional, impulsionando os preços, o que vinha em parte sendo evitado por conta da ação das “Sete Irmãs do Petróleo” – apelido dado às sete maiores companhias transnacionais que dominaram o mercado petrolífero internacional até a década de 60.

Os países que compõem a OPEP são: Argélia, Equador, Iraque, Angola, Irã, Kuwait, Nigéria, Líbia, Arábia Saudita, Catar, Venezuela e Emirados Árabes Unidos.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Macedo, Márcia. Petróleo; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/petroleo >. Acesso em 29 de outubro de 2019 às 01:01.

Copiar referência

Outros Artigos de Geografia

As Cataratas do Iguaçu é uma das mais exuberantes belezas naturais da bacia Platina.

Bacia Platina

A Bacia Platina, também chamada de bacia do rio da […]

A bandeira do Chile representa o país internacionalmente.

Bandeira do Chile

A Bandeira do Chile possui duas listras de igual tamanho, […]

Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste

A Bacia Hidrográfica do Atlântico Leste está entre as doze […]

A folha de bordo compõe a bandeira do Canadá.

Bandeira do Canadá

A Bandeira do Canadá é formada por uma tribanda de […]