Soluto e Solvente

Componentes que juntos formam misturas homogêneas

Soluto e solvente são dois conceitos da química que os estudantes confundem bastante, assim como soluções.

Soluto e solvente são concepções que fazem parte do dia a dia em atividades humanas, como o simples ato de dar água com açúcar quando alguém está passando mal. Contudo, muitos não sabem que se trata de um processo químico.

Mas, para aqueles que irão prestar o vestibular e o ENEM, é importante saber diferenciar soluto e solvente, assim como saber o que é uma Solução.

Soluto

É uma substância que pode ser dissolvida em um solvente. Isto é, o soluto fica “solto” em um solvente até que se transforme em uma nova solução.

Geralmente, essas substâncias são sólidas e o solvente são líquidos, e quando misturados não formam nenhuma fase, ou seja, ficam homogêneas.

Exemplo: o pó de suco, o sal, o açúcar, etc.

Solvente

É uma substância líquida que possui a capacidade de dissolver outras substâncias, e assim formar soluções.

Devido a sua capacidade de dissolver grande parte das substâncias, a água é considerada um solvente universal. Isto porque ela é capaz de dissolver substâncias nos estados  líquido, sólido e gasoso.

Exemplo: água dissolvendo sal, como mostra a imagem abaixo: o sal é um soluto e a água é o solvente.

Exemplo clássico de Soluto e Solvente: água  com sal
O solvente (água) dissolvendo o soluto (sal). (Foto: Wikipedia)

 Solução: mistura entre soluto e solvente

Solução é a mistura resultante do soluto e solvente. Diferente do que muitos pensam, as soluções podem ser tanto sólidas, como o bronze, quanto gasosas como o ar atmosférico, e não somente líquidas.

As soluções são misturas homogêneas. Misturas são substâncias formadas por duas ou mais substâncias puras. Elas podem ser misturas homogêneas e heterogêneas.

As homogêneas (soluções) apresentam apenas uma fase, não sendo possível diferenciar as substâncias.

Exemplos:

• Mistura homogênea formada por gases, como o ar atmosférico (nitrogênio, oxigênio…).
• Mistura homogênea formada por líquidos, como o álcool hidratado (álcool e água).
• Mistura homogênea formada por sólidos, como o ouro comum (ouro e cobre).

As misturas heterogêneas são aquelas que apresentam duas ou mais fases, sendo possível diferenciá-las a olho nu ou com microscópio.

Exemplo: água e óleo, como mostra a imagem abaixo.

Copo com óleo
O óleo não se mistura com água, formando essas pequenas bolhas. (Foto: Pixabay)

A depender da quantidade de soluto em relação ao solvente, uma solução pode ser classificada como:

Diluída: quando a solução apresenta pequena quantidade de soluto.
Concentrada: a solução tem grande quantidade de soluto.
Saturada: quantidade máxima de soluto que o solvente pode dissolver.

Coeficiente de solubilidade

Coeficiente de solubilidade é o índice que indica a quantidade de soluto necessária que pode ser dissolvida em um solvente.

Vale ressaltar que o coeficiente de solubilidade pode aumentar ou diminuir de acordo com a temperatura e do tipo de soluto.

A maneira mais utilizada para calcular a quantidade de soluto de uma solução é através da fórmula de concentração comum.

C: m(g) / V(L)

Onde:
C é a concentração;
M é a massa do soluto expressa em gramas;
V é o volume da solução expresso em litro.

Existem um limite em que o solvente fica incapaz de dissolver o soluto. Exemplo: pegue um copo de água e vá acrescentando sal.

A princípio, é possível ver o sal sendo dissolvido na água e sumindo. Contudo, se continuar acrescentando sal a solução, vai chegar um momento em que ele começará acumular-se no fundo do copo.

Isto quer dizer que o solvente (água) já atingiu o seu limite de solubilidade e a quantidade máxima de concentração. Então, aquele excesso de sal não será dissolvido e nem irá interferir na concentração da solução.

Chamado de corpo de fundo ou precipitado, o sal que sobrou no fundo do copo não deixará a água mais salgada, pois não foi dissolvida.

Importância da água como solvente universal

Além de ter uma grande importância para a vida no Planeta Terra, a água exerce um papel fundamental no funcionamento do corpo humano

A substância é capaz de dissolver minerais, vitaminas, aminoácidos, entre outros, sendo um dos componentes básicos da célula. 

A água como solvente universal é importante em componentes como:

Urina: a água é o responsável pela eliminação de substâncias ruins presentes no corpo humano. Substâncias como ureia e ácido úrico.
Sangue: o plasma (parte líquida) é composta por glóbulos vermelhos, brancos e plaquetas. Dentro do plasma há água em que são dissolvidas substâncias como glicose e vitaminas. É a água que faz o transporte dessas substâncias para o resto do corpo.

Nos vegetais ela também tem sua importância. Nas plantas, antes dos sais minerais serem absorvidos do solo pelas raízes, eles são dissolvidos primeiro em água. 

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Lima, Cleane. Soluto e Solvente; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/soluto-e-solvente >. Acesso em 29 de janeiro de 2020 às 23:28.

Copiar referência

Outros Artigos de Química

formula estrutural condensada linear

Fórmula Estrutural

A fórmula estrutural é uma das fórmulas da química orgânica […]

Forças intermoleculares

Forças Intermoleculares

As forças intermoleculares é um dos assuntos que mais caem […]

Filtração

Filtração

Filtração é um dos métodos da química utilizada para fazer […]

Explosão causada por elementos radioativos

Fissão Nuclear

A fissão nuclear é o processo de divisão de núcleos […]