Substantivos

Palavras variáveis que nomeiam seres animados e inanimados em geral

Substantivos são palavras que dão nome a pessoas, objetos, animais, lugares, qualidades, sentimentos, estados, ações, entre outros. O termo tem origem no latim “substantivus”, que remete ao que há de substancial e real em algo. Ou seja, os substantivos são a parte fundamental de um texto.

Dessa maneira, trata-se de uma classe de palavras variáveis em gênero (masculino e feminino), grau (aumentativo e diminutivo) e número (singular e plural) e atuam como núcleo das funções sintáticas (sujeito, objeto direito, objeto indireto ou agente da passiva). Portanto, qualquer palavra de outra classe que exerça uma dessas funções, obrigatoriamente será classificada como um substantivo.

Classificação dos substantivos

Os substantivos possuem nove classificações: comum, próprio, simples, composto, concreto, abstrato, primitivo, derivado e coletivo. Conheça um pouco mais sobre cada uma delas.

Comuns

Substantivos comuns são aqueles que nomeiam seres da mesma espécie. São escritos em letras minúsculas, a não ser quando iniciam uma frase.

Exemplos:

  • mãe
  • pessoa
  • país
  • papagaio
  • cidade
  • homem
  • menino
  • gente
  • cachorro
  • mulher

Próprios

Substantivos próprios são os que dão nome a indivíduos, países, estados, continentes, oceanos, entre outros. São sempre grafados em letras maiúsculas.

Exemplos:

  • Brasil
  • São Paulo
  • Salvador
  • João
  • Oceano Atlântico
  • Serra da Mantiqueira
  • Londres
  • Tietê

Simples

Substantivos simples caracterizam-se por apresentar somente uma palavra. Por exemplo:

  • amor
  • roupa
  • felicidade
  • casa
  • livro
  • carro
  • camiseta
Substantivos
Substantivos são palavras que dão nome aos seres, objetos, lugares, qualidades, ações, entre outros. (Foto: Flickr)

Compostos

Substantivos compostos são formados por uma ou duas palavras pelo processo chamado de composição, ou seja, junção de duas palavras. Veja os exemplos:

  • arco-íris
  • aguardente
  • guarda-chuva
  • fidalgo
  • segunda-feira
  • planalto
  • beija-flor

Concretos

São aqueles substantivos que nomeiam seres ou objetos reais, com existência própria e que não dependem de outros para existirem.

Exemplos:

  • mesa
  • chuva
  • cachorro
  • samambaia
  • bondade
  • beleza
  • alegria

Abstratos

São os substantivos que indicam emoções, sentimentos, estado, sensações, entre outros. Veja:

  • amor
  • raiva
  • calor
  • frio
  • beleza
  • gentileza
  • felicidade

Primitivos e derivados

Os substantivos primitivos são uma classificação de palavras que não derivam de outras, e sim, originam outras palavras, que passam a ser chamados de derivados.

Observe os exemplos:

  • “Casa” origina “casarão”, portanto “casa” é um substantivo primitivo e “casarão”, derivado.
  • “Folha” dá origem a “folhagem”, então “folha” é primitivo e “folhagem” é derivado.

Veja mais alguns:

  • árvore – arvoredo
  • livro – livraria
  • pedra – pedreiro
  • sapato – sapateiro
  • dente – dentista

Coletivos

São palavras que indicam um conjunto de coisas ou seres da mesma espécie, por exemplo:

  • Arquipélago: conjunto de ilhas
  • Assembleia: grupo de pessoas
  • Banda: grupo de instrumentistas
  • Cardume: conjunto de peixes
  • Pomar: grupo de árvores com frutos
  • Rebanho: conjunto de ovelhas

Gênero dos substantivos

A partir dos gêneros masculino e feminino, os substantivos podem ser divididos em: biformes e uniformes.

Biformes

Apresentam formas diferentes para cada gênero.

Exemplo:

  • Professor e professora
  • Amigo e amiga
  • Menino e menina
  • Gato e gata
  • Deputado e deputada
  • Estranho e estranha

Uniformes

Com apenas um termo, especifica ambos os gêneros e são subdivididos em:

  • Epicenos: nomes de animais que possuem um único gênero gramatical para se referir a ambos os sexos, como foca, baleia, mosca, besouro, águia, polvo, tatu, entre outros.
  • Sobrecomuns: também possuem apenas um gênero, mas designam pessoas de ambos os sexos. Alguns exemplos são: cônjuge, criança, testemunha, apóstolo, etc.
  • Comuns de dois gêneros: se refere aos dois gêneros, mas necessita do artigo para diferenciar masculino e feminino.

Por exemplo: o agente e a agente; os colegas e as colegas; o gerente e a gerente; o lojista e a lojista.

Número dos substantivos

Os substantivos também são subdivididos de acordo com o número em:

  • Singular: indica apenas um ser, uma coisa ou um grupo. Exemplos: casa, bola, doce e mulher.
  • Plural: indica mais de um ser, objetos ou grupos, por exemplo, casas, bolas, doces e mulheres.

Grau dos substantivos

A partir do grau, os substantivos podem ser classificados em aumentativos e diminutivos.

Aumentativos

Os aumentativos são as palavras que indicam aumento do tamanho normal de um ser, lugar ou objeto. Eles se subdividem em:

  • Analítico: quando está acompanhado de um adjetivo que indica grandeza, como país grande ou cidade pequena.
  • Sintético: quando o substantivo se utiliza da um sufixo que indica aumento. Exemplo: casarão, livrão, cabeção.

Diminutivos

São as palavras que indicam diminuição do tamanho de um ser, objeto ou lugar. Também se subdividem em analítico e sintético:

  • Analítico: são acompanhadas de um adjetivo que indica diminuição, como casa pequena e livro pequeno.
  • Sintético: são acrescidas de um sufixo indicador de diminuição, por exemplo, casinha e livrinho.

Substantivação

A substantivação é um processo no qual são atribuídas funções de substantivo a alguma palavra, que pode ser adjetivo, verbo, numeral ou advérbio. Isso ocorre quando uma palavra ocupa o lugar de um substantivo e é precedida por um artigo.

Observe a frase abaixo

  • O olhar dela me fascina inteiramente.

A palavra “olhar” é um verbo substantivado pois foi precedida do artigo definido “o”. O mesmo acontece com as palavras destacadas nos exemplos abaixo:

  • Era um azul maravilhoso. (Adjetivo substantivado)
  • Os milhões foram roubados do banco. (Numeral substantivado)
  • Ele disse um não bem grosseiro. (Advérbio substantivado)

Substantivos x adjetivos

Os substantivos são comumente confundidos com adjetivos. Ambos possuem sua importância na gramática e para saber diferenciá-los, vale ficar atento a alguns detalhes. Os primeiros são as palavras que nomeiam seres, animados ou inanimados, reais ou imaginários. Já os adjetivos caracterizam um substantivo conferindo-lhe qualidades, aspecto ou estado.

Ao analisar uma frase, é fundamental lembrar que o substantivo é um nome de alguma coisa, enquanto o adjetivo aparece associado a alguma coisa. Portanto, se a palavra lembrar um ser ou objeto, trata-se de um substantivo. Caso haja outra palavra acrescentando qualidade, estado ou característica a esse ser ou objeto citado, é um adjetivo.

Veja os exemplos:

  • O pai está usando uma camisa (substantivo) colorida (adjetivo).
  • Dona Maria é uma senhora (substantivo) agradável (adjetivo).

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

LOPES, Adriana. Substantivos; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/substantivos >. Acesso em 29 de janeiro de 2020 às 19:23.

Copiar referência

Outros Artigos de Língua Portuguesa

Trovadores apresentando em forma de cantiga o que foi escrito em seus textos com seus instrumentos.

Características do Trovadorismo

As características do Trovadorismo estão relacionadas com todas as particularidades […]

Chegada dos portugueses.

Características do Quinhentismo

As características do Quinhentismo, primeira manifestação literária do Brasil, estão […]

Características do Classicismo

As características do Classicismo eram baseadas na representação de elementos […]

Características do Arcadismo

As características do Arcadismo surgiram em meio ao período que […]