Taj Mahal

A história do principal monumento histórico da Índia

O Taj Mahal é um mausoléu, considerado uma das maiores construções do mundo. Ele está localizado na cidade de Agra, na Índia e foi construído entre 1632 e 1653.

O monumento, que possui 73 metros de altura, foi classificado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) como Patrimônio da Humanidade, e é uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno.

O Taj Mahal ficou conhecido como “a maior prova de amor do mundo”, inspirando casais, escritores e músicos até os dias atuais.

Taj Mahal
O Taj Mahal se tornou um símbolo do povo indiano. (Foto: Pixabay)

História do Taj Mahal

O Taj Mahal foi construído durante o governo do 5° imperador mongol Shah Jahan, em homenagem a sua terceira e preferida esposa, Aryumand Banu Begam, que morreu em decorrência das complicações do parto do seu 14° filho. A esposa homenageada era chamada pelo imperador de “Mumtaz Mahal”, que significa “a joia do palácio”.

Por conta disso, o Taj Mahal ficou conhecido como a maior prova de amor do mundo. A construção é incrustada de várias pedras preciosas, e a sua cúpula é costurada com fios de ouro.

O monumento foi construído em cima do seu túmulo, próximo ao rio Yamuna, um dos princimuçupais rios do norte da Índia. A ideia do Imperador era construir um outro monumento igual na outra margem do rio, mas morreu antes de realizar o desejo.

A palavra “Taj” é de origem persa, e na linguagem da corte mongol significa “coroa”. Já o termo “Mahal”, significa “primeira dama do palácio”. Sendo assim, o Taj Mahal se refere a “coroa de Mahal”.

O monumento foi projetado por arquitetos da Índia, Pérsia e Ásia Central. Cerca de 20 mil homens trabalharam para a sua construção, que durou vinte e dois anos.

Cinco anos antes do palácio ser concluído, em 1657, Shah Jahan ficou doente e teve o seu posto ocupado pelo filho. O imperador morreu em 1666, e foi enterrado no mausoléu, ao lado da sua esposa preferida.

Hoje o Taj Mahal é uma das principais atrações turísticas do mundo, recebendo mais de 3 milhões de pessoas de diversas nacionalidades todos os anos. Para os indianos, o monumento não é só uma obra de arte, mas um monumento que define a identidade do seu povo. É um símbolo da nação indiana.

Veja um pouco do monumento no vídeo:

Arquitetura do mausoléu

O Taj Mahal eleva a arquitetura mongol, por conta do refinamento com o qual foi feito. A habitual pedra vermelha, usada nas edificações, foi substituída pelo mármore branco incrustado de pedras semipreciosas.

No topo do mausoléu é possível ver uma cúpula, que é a sua coroa. Ela é rodeada por quatro cúpulas menores, e quatro torres que, curiosamente, foram construídas de forma inclinada, para caso ocorra um terremoto ou desabamento, elas não caiam sobre a obra principal.

O complexo Taj Mahal é muito grande. Ele é limitado em três lados por um muro de pedra vermelha. Depois desses muros se encontram outros vários mausoléus, inclusive os das outras esposas do imperador. Dentro dos muros encontra-se a entrada principal, que é um edifício monumental também feito com pedra vermelha.

Nas extremidades, paralelos aos muros do leste e do oeste, se encontram dois outros grandes edifícios. Um é a mesquita e o outro foi construído para organizar a composição arquitetônica, mas também servia como hospedaria. Na mesquita, o piso é decorado com um desenho em mármore que marca, como se fosse uma tapeçaria, o lugar de oração de 569 fiéis.

O mausoléu, parte mais importante do monumento, é feito de mármore branco. Ele é dividido por algumas salas, e as tumbas reais ficam em um nível abaixo. A cúpula que fica sob o mausoléu tem quase a mesma medida da base, cerca de 35 metros.

O monumento é rodeado por imensos jardins, com canteiros de flores, caminhos elevados, fontes, água corrente, e pilares, usados para refletirem a imagem dele na água. O jardim é dividido em seções, e cada uma delas é dividida em caminhos, que são cheios de canteiros de flores. O que se diz é que esses jardins foram criados para ser a representação do paraíso na terra.

Taj Mahal e torres
Vista do Taj Mahal com os seus edifícios leste e oeste. (Foto: Public Domain Pictures)

Curiosidades

  • Os 20 mil homens que trabalharam na construção do mausoléu eram muçulmanos. Por conta disso, eles precisavam abandonar as obras cinco vezes ao dia para fazerem as suas orações. A mesquita mais próxima ficava há 2 km local. O imperador então, mandou construir a mesquita ao lado do seu monumento.
  • Quando Aryumand Banu Begam, a esposa preferida do imperador Shah Jahan estava prestes a morrer, ela fez três pedidos ao marido. O primeiro era que ele nunca mais se casasse na vida. O segundo era que ele cuidasse muito bem dos seus 14 filhos, como pai e não como imperador. E o terceiro era que ele construísse um lugar muito bonito para que ela fosse sepultada, onde as pessoas lembrariam sempre do amor dos dois.
  • Segundo o Ministério de Turismo e Cultura da Índia, entre os anos de 2010 e 2015, o monumento recebeu entre quatro e seis milhões de turistas de todo o mundo.
  • As quatro faces do mausoléu são completamente idênticas. As quatro possuem um arco central com 33 metros de altura.
  • A coloração do monumento é definida pela intensidade da luz do sol durante o dia ou da luz da lua durante a noite.
  • Para construir o Taj Mahal, o imperador Shah Jahan gastou na época cerca de 50 milhões de rúpias indianas.
  • Segundo a lenda, Shah Jahan queria construir um mausoléu idêntico na outra margem do rio Yamuna, só que ao invés do mármore branco, usaria o mármore preto, mas ele foi destronado por seu filho Aurangzeb antes de realizar o seu desejo.
  • Outra lenda conta que, após a conclusão da obra, o imperador teria cortado as mãos ou cegado os arquitetos responsáveis, para que eles não fizessem nenhuma obra parecida ou mais bonita do que o mausoléu.
  • O fato da construção ter sido feita muito perto do rio Yamuna é um mistério para os pesquisadores de hoje, já que, próximo à água, são poucos os terrenos com firmeza para aguentar uma construção de tal tamanho, precisando escavar muito até achar um solo firme. Foram construídas fundações e poços, considerados uma ideia revolucionária para a época.

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

Pina, Cíntia. Taj Mahal; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/taj-mahal >. Acesso em 28 de outubro de 2019 às 15:51.

Copiar referência

Outros Artigos de Artes

Monumento à Terceira Internacional.

Construtivismo nas artes

O construtivismo nas artes está relacionado com o movimento artístico […]

A Commedia dell’arte fazia a utilização do humor e críticas à sociedade em palcos improvisados.

Commedia Dell’Arte

A Commedia Dell’Arte iniciou-se a partir do início do século […]

Circo armado

Circo

O circo é o lugar onde acontecem expressões artísticas que […]

características das cores matiz

Características das Cores

As características das cores podem ser descritas como matiz, tonalidade […]