Unidades de medida

Modelos utilizados para medir grandezas

As unidades de medida são modelos utilizados para medir uma quantidade específica de grandezas físicas, como massa, comprimento, volume e temperatura. A padronização dessas medidas segue o Sistema Internacional de Unidades (SI), criado em 1970.

Mas você já se perguntou como surgiram as medidas?

A necessidade de quantificar as coisas é bem antiga. Na Pré-História, o homem fazia talhes em pedaços de madeira para simbolizar a quantidade de animais abatidos. Por meio de um sistema arcaico, eles também quantificavam objetos e alimentos.

Paralelamente ao desenvolvimento das civilizações, o comércio se fortaleceu e surgiu a necessidade de se criar um sistema de medidas para a prática do escambo. Contudo, cada povo tinha o seu próprio sistema e isso criava alguns problemas comerciais.  

Os egípcios e depois os romanos, por exemplo, utilizavam partes do corpo como unidades de medida. O cúbito era uma medida que consistia em uma distância do cotovelo até a ponta do dedo médio da mão.

Já os babilônicos tinham como a mina, uma unidade de massa que equivalia aproximadamente 640 gramas. O siclo era uma unidade de massa e monetária, que também ficou conhecida pelos hebreus.

Com a formação dos Estados Nacionais, cada nação estabeleceu seu idioma, sistema monetário e de pesos e medidas, com objetivo de facilitar as trocas comerciais. Então em 1798, no período da Revolução Francesa foi criado o Sistema Métrico Decimal.

Em 1960 foi desenvolvido o Sistema Internacional de Unidades (SI), um fruto da 11ª Conferência Geral de Pesos e Medidas. O projeto, mais sofisticado que o anterior, indica algumas grandezas fundamentais e as suas respectivas unidades básicas. 

Unidades de medida

O SI estabeleceu as unidades básicas das grandezas fundamentais, que dão origem as grandezas derivadas. Além disso, cada unidade básica possui múltiplos (unidades maiores) e submúltiplos (unidades menores).

Unidades de medida
Unidades de medida fundamentais. (Foto: Wikipédia)

Por exemplo, o comprimento é uma grandeza que tem como unidade básica o metro (m). Este último, por sua vez, possui como múltiplos: quilometro (km), hectômetro (hm) e decâmetro (dam). Já os submúltiplos são: decímetro (dm), centímetro (cm) e milímetro (mm).

Atualmente, as unidades de medida estão presentes em vários situações: área do círculo para construção de uma piscina redonda;  medir a área e perímetro de um terreno;  a quantidade de líquido em uma latinha a partir do volume do cilindro ou até mesmo quantos metros tem uma pirâmide

Unidades de comprimento

  • 1 quilometro (km) = 1.000 m
  • 1 hectômetro (hm) = 100 m
  • 1 decâmetro (dam) = 10 m
  • 1 metro (m) = 1 m
  • 1 decímetro (dm) = 0,1 m
  • 1 centímetro (cm) = 0,01 m
  • 1 milímetro (mm) = 0,001 m

Unidades de massa

  • 1 quilograma (kg) = 1.000 g
  • 1 hectograma (hg) = 100 g
  • 1 decagrama (dag) = 10 g
  • 1 grama (g) = 1 g
  • 1 decigrama (dg) = 0,1 g
  • 1 centigrama (cg) = 0,01 g
  • 1 miligrama (mg) =0,001 g

Unidades de capacidade

  • 1 quilolitro (kl) = 1.000 l
  • 1 hectolitro (hl) = 100 l
  • 1 decalitro (dal) = 10 l
  • 1 litro (l) = 1 l
  • 1 decilitro (dl) = 0,1 l
  • 1 centilitro (cl) = 0,01 l
  • 1 Mililitro (ml) = 0,001 l

Unidades de área

  • 1 quilometro quadrado (km²) = 1.000.000 m²
  • 1 hectômetro quadrado (hm²) = 10.000 m²
  • 1 decâmetro quadrado (dam²) = 100 m²
  • 1 metro quadrado (m²) = 1 m²
  • 1 decímetro quadrado (dm²) = 0,01 m²
  • 1 centímetro quadrado (cm²) = 0,0001 m²
  • 1 milímetro quadrado (mm²) = 0,000001 m²

Unidades de volume

  • 1 quilômetro cúbico (km³) = 1.000.000.000 m³
  • 1 hectômetro cúbico (hm³) = 1.000.000 m³
  • 1 decâmetro cúbico (dam³) = 1.000 m³
  • 1 metro cúbico (m³) = 1 m³
  • 1 decímetro cúbico (dm³) = 0,001 m³
  • 1 centímetro cúbico (cm³) = 0,000001 m³
  • 1 milímetro cúbico (mm³) = 0,000000001 m³

Unidades de tempo

  • 1 mês = 28 a 31 dias
  • 1 dia (d) = 24 h
  • 1 hora (h) = 60 mim
  • 1 minuto (min) = 60 s
  • 1 segundo (s) = 1 s
  • Microssegundo (us) = 0,001 s

Unidades de velocidade

1 m/s = 3,6 km/h = 2,23693629 mp/h = 1.079.252.848,8 km/h

Unidades de temperatura

  • Ponto de fusão: 0º C = 32 º F = 273,15 º K
  • Ponto de ebulição: 100º C = 212 º F = 373,15º K

Regra de conversão

As unidades de massa, capacidade e comprimento podem ser convertidas através de um único método. Se o objetivo é converter para uma unidade inferior, basta fazer uma multiplicação por 10. Se a conversão for para uma unidade superior, a divisão é por 10.

A unidades de velocidade mais comuns relacionam metros por segundo (m/s) com quilômetros por hora (km/h). Para realizar essa conversão, basta multiplicarmos a velocidade por 3,6 para transformá-la de m/s para k/m, se o objetivo for o inverso é necessário dividir por 3,6.

Já nas grandezas de área e volume, cada unidade vale, respetivamente, 100 (10²) e 1.000 (10³) vezes mais que a unidade imediatamente inferior. Desse modo, a conversão segue o mesmo princípio da multiplicação e divisão. 

Faça a referência deste conteúdo seguindo as normas da ABNT:

CAIUSCA, Alana. Unidades de medida; Guia Estudo. Disponível em

< https://www.guiaestudo.com.br/unidades-de-medida >. Acesso em 29 de janeiro de 2020 às 22:27.

Copiar referência

Outros Artigos de Matemática

O sistema da Blockchain possibilita o uso de Bitcoins no mundo todo.

Bitcoin

Bitcoin é uma criptomoeda utilizada em transações financeiras virtuais sem […]

Engenho de açúcar

Sistema Plantation

Sistema plantation é um sistema descendente do período colonial europeu […]

Colheita de plantação

Sistemas agrícolas

Os sistemas agrícolas formam o conjunto de atividades técnicas, econômicas […]

Setores da economia

Os setores da economia existem para medir o desenvolvimento econômico […]